Filtrar por conteúdo:

Industrialização

Uneca: Rápida urbanização da África pode ser um motor de industrialização

Relatório da Comissão Económica das Nações Unidas para a África faz recomendações para aproveitar a rápida transição urbana; perspectivas de crescimento a longo prazo continuam a ser promissoras na África Oriental.

Denise Costa da ONU News, em Nova Iorque.

Em 2035, metade da população africana será urbana em comparação com apenas um terço em 1990.

Esta rápida urbanização cria desafios crescentes em termos de necessidades de infraestrutura e serviços, mas também pode ser um motor de desenvolvimento industrial, sob o quadro político correto.

Carlos Lopes destaca industrialização africana como prioridade

Secretário-executivo da Comissão Económica para África falou com a Rádio ONU em sua última semana no posto; Lopes citou ainda a introdução da ideia da industrialização verde.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Outubro é último mês do guineense Carlos Lopes como chefe da Comissão Económica para África, ECA. Ele foi nomeado para o posto em 2012 pelo secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon.

De Adis Abeba, Lopes fez à Rádio ONU um breve balanço do período em que esteve à frente da Comissão.

Industrialização verde

Bons parceiros de África devem investir no avanço industrial

Secretário executivo da Comissão da ONU para África revela que essa perceção pode ter levado a China a mudar estratégia de parceria com o continente; setor privado dos EUA é o que mais investe no continente.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O secretário executivo da Comissão Económica das Nações Unidas para África disse que “parceiros amigos” dos países da região são os que mais investem na industrialização.

Agência da ONU quer apoio do G-20 para a industrialização em África

Documento é divulgado por ocasião da reunião dos líderes das 20 maiores economias do mundo; Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial quer revolução no continente.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Por ocasião do encontro dos líderes do G-20 na China, a Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial, Unido, lançou um apelo em prol do continente africano.

Na ONU, África defende industrialização ecológica e sustentável

Estudo apresenta via para promover avanços diante de alterações do clima, falta de recursos e degradação ambiental; Relatório Económico para África 2016 destaca industrialização como centro da estratégia de desenvolvimento.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

A sede das Nações Unidas acolheu esta segunda-feira uma sessão onde foi exposto o Relatório Económico para África 2016 à comunidade internacional.