Guiné-Bissau

Quarta de Empregos

O Sistema das Nações Unidas apresenta oportunidades de trabalho da semana de 18 de setembro de 2019. Saiba como concorrer em países de língua portuguesa como Brasil, Guiné-BissauMoçambique e Timor-Leste. Conheça ainda as vagas disponíveis em outros escritórios da organização que aparecem em inglês ou francês, as línguas de trabalho das Nações Unidas.

Na Guiné-Bissau, novo edifício vai funcionar com todas as instituições judiciais em Gabu

Apoio da ONU ao governo faz parte da reforma do setor da justiça para as populações; donativo do Pnud deve ajudar a melhorar o acesso a vários serviços judiciais na área do interior com mais de 200 mil habitantes.*

Eleições presidenciais são fundamentais para estabilizar a Guiné-Bissau, diz ONU

Representante das Nações Unidas no país destaca apoio para a realização da votação agendada para 24 de novembro; cenário político guineense é marcado pela escolha de concorrentes ao pleito.*

Guiné-Bissau destaca prioridade de combater “dupla epidemia de doenças transmissíveis”

Ministra da Saúde menciona impacto de HIV/Sida e tuberculose; país tem mais casos de doenças cardiovasculares, cancerígenas e diabetes; reunião em Brazzaville revela necessidade de maior capacitação para acelerar progressos na prestação de serviços essenciais em África.

Quarta de Empregos

O Sistema das Nações Unidas apresenta oportunidades de trabalho da semana de 14 de agosto de 2019. Saiba como concorrer em países de língua portuguesa como Angola, Brasil, Cabo verde, Guiné-Bissau, Moçambique  e Timor-Leste. Conheça ainda as vagas disponíveis em outros escritórios da organização que aparecem em inglês ou francês, as línguas de trabalho das Nações Unidas.

Rosine Sori-Coulibaly é a nova representante do secretário-geral para Guiné-Bissau

Política do Burquina Fasso tem mais de 35 anos de experiência internacional e foi ministra de economia do seu país; Sori-Coulibaly sucede ao brasileiro José Viegas Filho, que terminou a missão em maio.

Quarta de Empregos

O Sistema das Nações Unidas apresenta oportunidades de trabalho da semana de 17 de julho de 2019. Saiba como concorrer em países de língua portuguesa como Angola, Brasil, Cabo verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Conheça ainda as vagas disponíveis em outros escritórios da organização que aparecem em inglês ou francês, as línguas de trabalho das Nações Unidas.

Cerca de 1,7 milhão de pessoas foram infectadas pelo HIV em 2018
BR

Brasil, Cabo Verde e Portugal cumpriram ou estão a caminho de cumprir a meta de ter 90% das pessoas com HIV devidamente diagnosticadas; populações-chave na resposta são marginalizadas e deixadas para trás.

Quarta de Empregos

Na lista de vagas do Sistema das Nações Unidas de 10 de julho, conheça algumas oportunidades de trabalho em países como Angola, Brasil, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe, Timor-Leste e outros. Além de países de língua portuguesa, saiba de empregos em outros escritórios da organização. As vagas aparecem em inglês ou francês, as línguas de trabalho das Nações Unidas.

Guiné-Bissau: Conselho de Segurança apela a eleição presidencial “credível, livre, justa e pacífica”

Estados-membros dizem que votação deve acontecer a 24 de novembro, como ficou acordado; nota também destaca apoio dado pela Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental e da União Europeia.