grávidas

Estudo diz que 30% de mulheres sofreram maus tratos no parto em quatro países
BR

Levantamento apoiado pela Organização Mundial da Saúde, OMS, mostra que 13% das cesarianas e 59% de exames médicos aconteceram sem autorização das pacientes; mulheres mais jovens e com menos instrução correm maior risco; dados vêm de Gana, Guiné-Conacri, Mianmar e Nigéria.

Moçambique: 86 mil mulheres devem dar à luz em zonas afetadas por ciclones nos próximos meses  

Fundo das Nações Unidas para a População diz que 15% das gravidas desenvolvem complicações potencialmente mortais em situações de emergência; Escritório das Nações Unidas para Assuntos Humanitários destaca histórias de duas mulheres. 

“67 mil mulheres grávidas foram afetadas por desastre natural em Moçambique”

Fundo de População das Nações Unidas prevê 19 mil nascimentos de mães que foram vítimas do ciclone Idai nos próximos três meses; mais de 3 mil mulheres podem estar em risco de vida com emergências relacionadas à gravidez; acompanhe aqui a cobertura especial da ONU News. 

OMS lança recomendações para reduzir cesarianas desnecessárias
BR

Número de intervenções aumenta em todo o mundo; agência sublinha riscos da prática para as mães e filhos e possíveis consequências em gravidezes futuras. 

União Europeia doa US$ 4,5 milhões para projeto do PMA no Paquistão
BR

Dinheiro está sendo utilizado para ajudar famílias afetadas pela insegurança alimentar e pela seca na província de Sindh; quase 84% das residências tem escassez de água.

Leda Letra, da ONU News em Nova York.

Áudio -

União Europeia doa US$ 4,5 milhões para projeto do PMA no Paquistão
BR

Agência da ONU aumenta operações de emergência no sul de Madagáscar

Programa Mundial de Alimentação, PMA, ampliou ações humanitárias em resposta aos índices crescentes de fome e desnutrição; terceiro ano consecutivo de seca aprofundou sofrimento de milhares de pessoas.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

Agência da ONU aumenta operações de emergência no sul de Madagáscar

Milhares de grávidas deslocadas pelo Boko Haram no Níger

Ataques à cidade de Bosso, no início de junho, levaram a movimento em massa de cerca de 75 mil pessoas; Fundo de População das Nações Unidas, Unfpa, calcula que cerca de 3 mil grávidas estejam entre os desalojados

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

Milhares de grávidas deslocadas pelo Boko Haram no Níger