Golfo

Secretário-geral da ONU diz que mundo não pode ter outra guerra no Golfo 
BR

Em comunicado, António Guterres afirmou estar “profundamente preocupado” com a situação na região; na quinta-feira, um ataque ao Aeroporto de Bagdá, no Iraque, matou oito pessoas, entre elas o chefe militar do Irã, o general Qasem Soleimani.

Para ONU, um conflito no Golfo pode ter “consequências desastrosas muito para além da região”

Conselho de Segurança debateu situação no Oriente Médio com destaque para desenvolvimentos no Irã, Síria e Golfo; chefe de Gabinete do secretário-geral e secretário de Estado norte-americano foram alguns dos participantes.

Guterres diz que novos recordes de temperatura exigem “mudanças rápidas e profundas”

Falando a jornalistas em Nova Iorque, secretário-geral disse que esta é uma corrida que o mundo pode e deve vencer; chefe da ONU falou ainda sobre tensões no Golfo Pérsico, atritos entre Estados Unidos e China e diferenças entre países com armas nucleares.