funcionários

ONU coloca bandeira a meio mastro em tributo a funcionários mortos em queda de avião na Etiópia 
BR

Departamento de Proteção e Segurança das Nações Unidas anunciou que pelo menos 21 funcionários da organização morreram no acidente; queda que aconteceu minutos após decolagem matou mais de 150 pessoas a bordo de Boeing 737.

Secretário-geral quer ONU pronta para responder aos anseios do mundo
BR

António Guterres é recebido pelos funcionários no primeiro dia de trabalho na sede da organização; ele lembra que ONU continua sendo o pilar para o multilateralismo e importante para responder às preocupações das pessoas.

Leda Letra, da ONU News em Nova Iorque. 

Áudio -

Secretário-geral quer ONU pronta para responder aos anseios do mundo
BR

Ao despedir-se da ONU, Ban Ki-moon diz que quer ser “embaixador honorário”
BR

Secretário-geral afirma que foi um privilégio servir aos povos do mundo e garante que carregará para sempre o título de cidadão global; seu último compromisso será na noite durante a festa de Ano Novo da Times Square.

Leda Letra, da ONU News em Nova Iorque. 

Áudio -

Ao despedir-se da ONU, Ban Ki-moon diz que quer ser “embaixador honorário”
BR

Aumentam ataques na República Centro-Africana

Mais de 300 incidentes ocorreram este ano envolvendo agências humanitárias; vários municípios registam aumento de crises; mais de 70 mil pessoas foram deslocadas nos últimos três meses.

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.*

Áudio -

Aumentam ataques na República Centro-Africana

Ação humanitária é impedida pelo menos três vezes por dia no Sudão do Sul

Novembro registou 91 incidentes em todo o país; maioria das ações envolve violência contra pessoas e bens; coordenador das Nações Unidas quer que parem obstáculos e desafios que dificultam esforços de agências do setor.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Áudio -

Ação humanitária é impedida pelo menos três vezes por dia no Sudão do Sul

República Centro-Africana: ONU deplora morte de funcionários humanitários

Vítimas incluem membro da ONG Médicos Sem Fronteiras e chefe de equipa de trabalhadores de auxílio;  representante local diz que objetivo é pilhar bens e equipamentos de ajuda aos civis.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -