febre-amarela

Brasil e Nigéria fazem grandes campanhas de vacinação contra a febre amarela
BR

Com apoio da Organização Mundial da Saúde, quase 24 milhões de brasileiros e 25 milhões de nigerianos serão vacinados; vírus é endêmico em partes da África e da América do Sul; segundo OMS, essas são as maiores campanhas do mundo.

Leda Letra, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

Brasil e Nigéria fazem grandes campanhas de vacinação contra a febre amarela
BR

Com apoio da Organização Mundial da Saúde, quase 24 milhões de brasileiros e 25 milhões de nigerianos serão vacinados; vírus é endêmico em partes da África e da América do Sul; segundo OMS, essas são as maiores campanhas do mundo.

OMS: malária é responsável por metade das mortes em Borno, na Nigéria

Agência da ONU afirmou que muitas vezes a doença acaba ficando de lado em meio a uma crise humanitária ou crise de saúde pública; especialista explicou que esse foi o caso durante epidemias de ébola e de febre amarela na África.

Edgard Júnior, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

OMS: malária é responsável por metade das mortes em Borno, na Nigéria

OMS envia ao Brasil 3,5 milhões de doses de vacina contra febre amarela
BR

Governo brasileiro deve reembolsar custos; agência da ONU trabalha com o país para garantir a proteção da população e prevenir novos casos; Ministério da Saúde confirmou quase 500 casos e 162 mortes.

Leda Letra, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

OMS envia ao Brasil 3,5 milhões de doses de vacina contra febre amarela
BR

Entrevista: África e lições da epidemia de febre amarela

Magda Robalo é diretora do Departamento das Doenças Transmissíveis do Escritório da Organização Mundial da Saúde, OMS, em África e aborda o fim da febre amarela em Angola e na República Democrática do Congo.

Áudio -

Entrevista: África e lições da epidemia de febre amarela

OMS atualiza recomendações relacionadas à febre amarela no Brasil
BR

Agência da ONU orienta turistas internacionais a se vacinarem contra a doença pelo menos 10 dias antes da viagem; segundo OMS, atualmente não há evidências de transmissão do vírus em grandes áreas metropolitanas como Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo.

Áudio -

OMS atualiza recomendações relacionadas à febre amarela no Brasil
BR