Escritório da ONU sobre Drogas e Crime

Fluxo de migrantes venezuelanos no Brasil cresceu mais de 900% em dois anos 
BR

Cerca de 262,5 mil migrantes e refugiados da Venezuela vivem no Brasil, a quinta maior nação anfitriã destes cidadãos na América Latina. Entre janeiro de 2017 e agosto de 2020, o Brasil acolheu 609.049 venezuelanos e viu partir 345.574 depois do fluxo disparar 922% no biênio anterior.

Congresso da ONU reforça papel de parcerias para combater o crime no mundo 
BR

Em Quioto, Escritório da ONU sobre Drogas e Crime, Unodc, destacou aumento do crime cibernético durante Covid-19 e desigualdades expostas pela pandemia; países analisaram impacto da crise global de saúde em prisões, crianças recrutadas por terrorismo e extremismo e aposta na valorização de jovens. 

Número de vítimas de tráfico num ano ultrapassou 50 mil no mundo
BR

ONU estima que número real de vítimas seja muito maior; análise aponta migrantes e pessoas sem emprego como os mais vulneráveis; Covid-19 ameaça piorar tendência geral de aumento no tipo de crime em nível global. 

Novo guia da ONU quer apoiar pesquisas sobre impacto da corrupção nos países
BR

Agências alertam que dados reportados não correspondem à situação real do crime; Unodc e Pnud são autores do Manual sobre Pesquisas sobre Corrupção apresentado na Dinamarca.

“Portugal tem política de drogas considerada sucesso”
BR

África do Sul une-se ao Unodc em campanha contra o tráfico humano

Unodc traça ligação entre extração de ouro e crime na Colômbia
BR

“Fim da corrupção é essencial para agenda de desenvolvimento sustentável”
BR

Nações Unidas reagem após novas execuções na Indonésia
BR

Jogos online e redes sociais ampliam risco de abuso infantil, diz Unodc
BR