Escritório da ONU para Assistência Humanitária

ONU condena assassinato de funcionário na Somália
BR

Vítima trabalhava para a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO; desde agosto de 2011, 20 agentes humanitários foram assassinados no país africano. 

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

Áudio -

ONU condena assassinato de funcionário na Somália
BR

Crise alimentar está iminente no nordeste do Quénia, indica Ocha

Famílias mais pobres devem sofrer crise de insegurança alimentar até meados de Outubro; Nações Unidas doam US$ 6,1 milhões para aumentar a resistência das populações.

[caption id="attachment_210964" align="alignleft" width="350" caption="Crise de insegurança alimentar"]

Áudio -

Crise alimentar está iminente no nordeste do Quénia, indica Ocha