entrevista

Ministro português destaca papel das Nações Unidas na resolução da crise na Venezuela

O ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal, Augusto Santos Silva, participou de um encontro na sede da ONU, em Nova Iorque, que juntou representantes do Grupo de Lima, do Grupo de Contato Internacional e a alta-representante da União Europeia, UE, para a Política Externa e Segurança, Federica Mogherini.  O representante disse que o “papel das Nações Unidas é muito importante no domínio da ajuda humanitária” durante a crise na Venezuela.

Major é o primeiro policial militar do Brasil a trabalhar na sede da ONU
BR

Neste Destaque ONU News Especial, o major Sérgio Carrera explica seu trabalho na ONU. O policial militar ocupa o cargo de Gerente de Missão e é membro da Equipe de Crimes Transnacionais e Organizados, na Divisão Policial do Escritório de Estado de Direito e Instituições de Segurança do Departamento de Operações de Paz da ONU. O boina-azul é o primeiro policial militar brasileiro a trabalhar na sede da ONU, em Nova Iorque.

Embaixadora de Angola comenta a situação dos refugiados na África

A embaixadora de Angola junto às Nações Unidas, defende o apoio ao acolhimento de refugiados africanos pelo mundo. Maria de Jesus Ferreira participou da Série de Diálogos sobre África na sede das Nações Unidas, em Nova Iorque. A representante cita exemplos de Moçambique e Namíbia para defender a inclusão de deslocados. Angola acolhe 70 mil refugiados e candidatos a asilo.

Guterres sobre crise de refugiados: "África é uma enorme lição para todos nós"

Em entrevista à ONU News, o secretário-geral da ONU, António Guterres, pediu apoio internacional mais forte e continuação da liderança africana durante a Série de Diálogos sobre África. Este ano, o tema é “refugiados, retornados e pessoas deslocadas internas: rumo a soluções duradouras para o deslocamento forçado em África”. 

Embaixadora de Angola comenta a situação dos refugiados na África

Neste Destaque ONU News Especial, a embaixadora de Angola junto às Nações Unidas, defende o apoio ao acolhimento de refugiados africanos pelo mundo. Maria de Jesus Ferreira participa da Série de Diálogos sobre África na sede das Nações Unidas, em Nova Iorque. A representante cita exemplos de Moçambique e Namíbia para defender a inclusão de deslocados. Angola acolhe 70 mil refugiados e candidatos a asilo.

“Precisamos todos uns dos outros”, diz Angola sobre acolhimento de refugiados

Embaixadora do país participa na Série de Diálogos sobre África; território angolano acolhe 70 mil refugiados e candidatos a asilo; representante cita exemplos de Moçambique e Namíbia para defender inclusão de deslocados.

Nova fase de ajuda para recuperar Moçambique

O embaixador de Moçambique junto às Nações Unidas explica a segunda fase da ajuda humanitária, a fase de reconstrução. António Gumende acaba de chegar do país, onde acompanhou de perto o impacto dos dois ciclones que aconteceram em 45 dias. Na sede da ONU, o representante participou de uma reunião, na quarta-feira, para debater as formas de apoio da comunidade internacional.

Nova fase de ajuda para recuperar Moçambique

Neste Destaque ONU News Especial, o embaixador de Moçambique junto às Nações Unidas explica a segunda fase da ajuda humanitária, a fase de reconstrução. António Gumende acaba de chegar do país, onde acompanhou de perto o impacto dos dois ciclones que aconteceram em 45 dias. Na sede da ONU, o representante participou de uma reunião, na quarta-feira, para debater as formas de apoio da comunidade internacional.

Especialista em hidrologia explica objetivos da Conferência Internacional da Água

Encontro junta países, ONGs e atores relevantes em Paris; o especialista em recursos hídricos da Unesco, Miguel Doria, explicou à ONU News objetivos da conferência; gestão multissetorial deve ser prioridade para garantir sustentabilidade de recursos hídricos.

Síria: representante brasileiro fala em "ondas de esperança”

Em declarações à ONU News, em Nova Iorque, o brasileiro Paulo Sérgio Pinheiro, presidente da Comissão de Inquérito Internacional sobre a Síria disse haver “ondas de esperança” em prol do fim do conflito, que devem ser apoiadas por ações dos países-membros das Nações Unidas. Esta quinta-feira, a Comissão apresentou um informe ao Conselho de Segurança sobre o nono ano de atuação do grupo.