economia global

Banco Mundial: “crescimento do rendimento não chega para garantir prosperidade compartilhada”

Instituição destaca que mais de 700 milhões de pessoas ainda vivem em extrema pobreza no mundo; Reuniões de Primavera destacaram momento marcado por concentração da pobreza global na África e necessidade de cooperação internacional.

Destaque ONU News Especial - Desafios Econômicos e Globais

O Departamento da ONU dos Assuntos Econômicos e Sociais, Desa, reuniu recentemente o seu Conselho Consultivo de Alto Nível em Nova Iorque. Os 17 integrantes discutiram os desafios do desenvolvimento global. Uma das integrantes do grupo é Cristina Duarte, antiga ministra das Finanças Planeamento e Administração de Cabo Verde. A representante fala à ONU News do estágio atual da economia global, do papel de jovens, de mulheres e a contribuição de África para impulsionar avanços.

Economia global deverá crescer 3,1%, segundo Banco Mundial
BR

Novo estudo também prevê expansão para América Latina e Caribe, mas alerta que tendência pode ser de curto prazo.

Mariana Ceratti, de Brasília para a ONU News*

Áudio -

Economia global deverá crescer 3,1%, segundo Banco Mundial
BR

Novo estudo também prevê expansão para América Latina e Caribe, mas alerta que tendência pode ser de curto prazo.

Banco Mundial prevê crescimento de 2,7% da economia global em 2017
BR

Banco Mundial prevê crescimento de 2,7% da economia global em 2017
BR

Relatório Perspectivas Econômicas Globais cita aumento do comércio e no setor manufatureiro, alta da confirança e estabilização do preço das commodities; economia do Brasil deve crescer 0,3% depois de dois anos de retração.

Edgard Júnior, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

Mundo tem menos 100 milhões de pessoas na pobreza extrema, diz relatório

Mundo tem menos 100 milhões de pessoas na pobreza extrema, diz relatório

Queda na no mundo inteiro foi de 1,7%; Banco Mundial destaca cenários em países como Brasil, Guiné-Bissau e Moçambique.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Áudio -

Entrevista: Vinícius Pinheiro