Economia & Desenvolvimento

OMC quer intensificar negociações sobre Rodada de Doha, diz Lamy
BR

O diretor-geral da Organização Mundial do Comércio, Pascal Lamy (foto), afirmou que as conversações sobre a Rodada de Doha, que prevê a liberalização do comércio, devem ser retomadas em setembro.

Ásia terá mais de 200 milhões de novos empregos até 2015, diz OIT

Um relatório da Organização Internacional do Trabalho, OIT, sugere que 200 milhões de novos postos de trabalho deverão surgir na Ásia até 2015.

Ásia terá mais de 200 milhões de novos empregos até 2015, diz OIT
BR

Um relatório da Organização Internacional do Trabalho, OIT, sugere que 200 milhões de novos postos de trabalho deverão surgir na Ásia até 2015.

ONU pede mais desenvolvimento no Dia Internacional da Juventude

A Organização das Nações Unidas marca neste domingo, 12 de Agosto, o Dia Internacional da Juventude.

Conselho de Segurança renova missão da ONU no Iraque por 12 meses

Os 15 países-membros do Conselho de Segurança aprovaram, por unanimidade a resolução 1770, que estabelece a renovação do mandato da Missão de Assistência das Nações Unidas no Iraque, Unami, por mais um ano.

ONU concede US$ 496 milhões a Moçambique para os próximos dois anos

As Nações Unidas vão atribuir um financiamento de US$ 496 milhões de dólares a Moçambique, nos próximos dois anos, para incentivar o desenvolvimento económico do país.

Nações Unidas marcam Dia Internacional da Juventude
BR

A Organização das Nações Unidas marca neste domingo, 12 de agosto, o Dia Internacional da Juventude. A data pretende estimular uma maior participação dos jovens entre 15 e 24 anos no desenvolvimento do mundo.

Número de patentes pedidas pelo Brasil caiu mais de 13%, diz Ompi
BR

Um relatório da Organização Mundial de Propriedade Intelectual, Ompi, sugere que o número de patentes requisitadas pelo Brasil foi reduzido em 13,8%, em 2005.

Serra Leoa vai às urnas para escolher novos presidente e Parlamento
BR

Mais de 2 milhões de eleitores na Serra Leoa comparecem às urnas neste sábado, 11 de agosto, para escolher os novos presidente e Parlamento do país.

Serra Leoa vai às urnas

Mais de 2 milhões de cidadãos da Serra Leoa elegem no sábado, 11 de agosto, o presidente e o novo Parlamento do país. É a segunda eleição desde o final da guerra civil, que se arrastou por dez anos e só terminou em 2002. Nesse ano, as forças de paz das Nações Unidas entregaram a segurança à polícia nacional e às forças armadas.