doenças

Agência da ONU ajuda Moçambique a evitar doenças em animais após ciclones

Desastres naturais forçaram movimento de animais e abriram novos cursos de água que podem ajudar a espalhar doenças; risco para humanos é reduzido, mas impacto económico pode ser profundo.

Em Moçambique, mais de 500 mil pessoas tiveram doenças causadas por consumo de alimentos inseguros

Maior número de casos registado foi diarreias; ONU pede partilha de informação sobre alimentos seguros para reduzir número de pacientes; OMS estima que 200 tipos de doenças matam mais de 2 milhões de pessoas por ano.*

“Problema humanitário é muito real na Venezuela”, alerta a ONU
BR

Conselho de Segurança acompanhou atualização em sessão convocada pelos EUA;  chefe humanitário, Mark Lowcock, pediu atenção para 7 milhões de pessoas que precisam de ajuda; quase 2,8 milhões de venezuelanos precisam de assistência médica.

Cobertura de vacinas em África “estagnada há cinco anos”

Grupo Consultivo Técnico de Imunização Regional quer reforço da imunização de rotina; mais de 500 mil crianças com menos de cinco anos morrem devido à falta de acesso a vacinas por ano.

 

FAO assina acordo para combater a praga da lagarta do cartucho do milho

O acordo tem financiamento do Usaid no valor de  US$ 5,6 milhões  e vai benefeciar cerca de 300 mil produtores do setor familiar, ONG’s empresas de agro-processamento e instituições académicas.

Índia tem surto de vírus fatal e OMS recomenda práticas de higiene e prevenção
BR

Nipah é transmitido de animais para humanos, que podem comer frutas contaminadas com urina ou saliva de morcegos que carregam vírus; proteção pode ser feita evitando contato com morcegos, lavando as mãos e mantendo distância de pessoas com a doença.

África do Sul terá imposto sobre bebidas açucaradas para combater obesidade
BR

Quase 10% dos bebês no mundo não receberam vacinais essenciais em 2016
BR

OMS fala de aumento no registo de causas de morte para cerca de metade

Aiea ajuda a prevenir ébola e outras doenças em África