desnutrição infantil

Agências humanitárias da ONU fazem apelo pela eliminação da desnutrição infantil
BR

Em declaração conjunta agências destacam que todos anos Nações Unidas fornecem serviços necessários para recuperação de 10 milhões de crianças com desnutrição aguda; comunicado antecede lançamento de relatório sobre Estado da Segurança Alimentar e Nutrição no Mundo. 

Iêmen: “uma geração inteira pode ser prejudicada pela fome”
BR

Alerta é do Programa Mundial de Alimentos, PMA; avaliação de junho mostra que 14,1 milhões de pessoas estão em situação de insegurança alimentar, 7 milhões de forma grave.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.*

Áudio -

Iêmen: “uma geração inteira pode ser prejudicada pela fome”
BR

Desnutrição infantil no Gana provoca perdas de US$ 2,6 mil milhões anuais

PMA revela que 30% de crianças menores de cinco anos são raquíticas ou sofrem de malnutrição crónica em áreas do norte; estudo estima que perto de um quarto de crianças morrem devido ao problema.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Áudio -

Desnutrição infantil no Gana provoca perdas de US$ 2,6 mil milhões anuais

PMA saúda contributo de € 13 milhões da União Europeia para o Sudão do Sul

Valor será aplicado na compra de alimentos, logística e transporte aéreo; agência da ONU fala de níveis mais altos de pobreza e de vulnerabilidade devido ao conflito.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

PMA saúda contributo de € 13 milhões da União Europeia para o Sudão do Sul

Malaui perde US$ 600 milhões anuais devido aos efeitos da desnutrição infantil

Nações Unidas participaram em estudo que revelou prejuízos de custos de saúde, encargos no sistema de ensino e baixa produtividade laboral; relatório destaca consequências do nanismo.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

Malaui perde US$ 600 milhões anuais devido aos efeitos da desnutrição infantil

Cerca de metade de iemenitas estão afetados pela fome, diz PMA

Cálculos da agência apontam para 10 milhões de pessoas na situação; plano de recuperação de dois anos deve envolver pouco menos de US$ 500 milhões.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -