Dadaab

ONU quer US$ 484 milhões para mover somalis do maior acampamento do mundo

ONU quer US$ 484 milhões para mover somalis do maior acampamento do mundo

Operações incluem o regresso voluntário e a reintegração de 150 mil refugiados da área queniana de Dadaab; ações devem ocorrer até o fim de 2016; Acnur participa no plano de ação com o Quénia e a Somália.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Áudio -

Fecho do maior campo de refugiados do mundo leva Ban Ki-moon ao Quénia

Fecho do maior campo de refugiados do mundo leva Ban Ki-moon ao Quénia

Decisão foi anunciada após conversa entre o secretário-geral e o presidente queniano; Ban quer que retorno dos habitantes seja voluntário, seguro e digno; somalis são a maioria dos 328 mil residentes na área.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

Acnur combate surto de cólera no campo de refugiados no Quénia

Acnur combate surto de cólera no campo de refugiados no Quénia

Agência da ONU está a fornecer sabão, pulverizadores de cloro para a população do campo de Dadaab, localizado na região nordeste do país; foram registados mais de 1,1 mil casos e 10 mortes.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Áudio -

Acnur preocupado com possível fechamento do campo de Dadaab

Acnur preocupado com possível fechamento do campo de Dadaab

Agência da ONU apela ao governo do Quénia que reconsidere medida; para Acnur, encerramento abrupto teria consequências humanitárias extremas; 350 mil refugiados somalis vivem no complexo.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

Acnur quer apoio contínuo aos refugiados no Quénia, após ataques

Agência da ONU preocupada com episódios envolvendo somalis e quenianos; lançado pedido de cautela com relação entre os incidentes e a estigmatização de refugiados e candidatos a asilo.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Áudio -

Acnur quer apoio contínuo aos refugiados no Quénia, após ataques