Comissão de Consolidação da Paz

Países que apoiam Guiné-Bissau reiteram confiança no Acordo de Conacri

Grupo que forma a estratégia para Consolidação da Paz no país está apreensivo com impacto negativo da instabilidade política; comunicado cita obstáculos ao avanço económico e nos setores da saúde e educação.

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

Países que apoiam Guiné-Bissau reiteram confiança no Acordo de Conacri

Brasil diz que violência armada ameaça estabilidade em áreas de conflito
BR

Vice-embaixador brasileiro junto à ONU fez a declaração durante reunião sobre “Programas de Redução de Violência Comunitária”; Carlos Duarte afirmou que país tem apoiado essas iniciativas nos últimos 10 anos.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

Áudio -

Brasil diz que violência armada ameaça estabilidade em áreas de conflito
BR

Brasil com “otimismo cauteloso” quanto ao fim da crise na Guiné-Bissau

Para embaixador Antonio Patriota, progressos vão ajudar setores da defesa e segurança e acelerar reformas; diplomata esteve à frente da estratégia para a Guiné-Bissau da Comissão de Consolidação da Paz.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

Brasil com “otimismo cauteloso” quanto ao fim da crise na Guiné-Bissau

Entrevista: Embaixador do Brasil fala à Rádio ONU sobre impasse político na Guiné-Bissau

Antonio Patriota, que preside a configuração e estratégia de paz para a Guiné, discursou no Conselho de Segurança sobre a situação no país africano de língua portuguesa. A reunião ocorreu na terça-feira, 30 de agosto.

Áudio -

Entrevista: Embaixador do Brasil fala à Rádio ONU sobre impasse político na Guiné-Bissau

Em reunião no Conselho de Segurança, Guiné-Bissau pede cooperação e apoio

Em discurso, encarregada de negócios da Missão guineense junto às Nações Unidas, Maria-Antonieta Pinto Lopes D’Alva, afirmou que nação conta com a comunidade internacional, e manifestou preocupação com possível encerramento da Missão; mandato atual do Uniogbis expira em fevereiro de 2017.

Áudio -

Em reunião no Conselho de Segurança, Guiné-Bissau pede cooperação e apoio