ciclones

FAO e OIM entregam recursos a milhares de afetados pelo ciclone Idai em Moçambique

Iniciativa deverá apoiar cerca de 11 mil  agregados; prioridade será dada a pessoas que sofreram danos nas colheitas, perderam alimentos e ficaram sem reservas de sementes.*

ESPECIAL: metade dos pacientes com HIV pararam tratamento em áreas afetadas por ciclones em Moçambique

País lusófono tem segunda maior incidência do vírus em África; desastres naturais destruíram centros de saúde, arquivos de pacientes e material hospitalar; nova série da ONU News apresenta resposta a ciclones de 2019 e esforços de reconstrução.*

Em Moçambique, atores Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank participam de ação após ciclones
BR

Ator e apresentadora de televisão estiveram em regiões afetadas por desastres naturais com o Unicef; casal participou em campanha de angariação de fundos que permitiu desenvolver vários projetos humanitários.

Em Moçambique, ONU apoia iniciativa para acelerar construção resiliente após ciclones

Projeto de cinco anos será implementado com US$ 72 milhões; cerca de 285 mil casas foram destruídas após a passagem de duas tempestades tropicais fortes pelo país na mesma estação.

Insegurança alimentar em Moçambique, novas chuvas em Bangladesh e Fórum Político de Alto Nível 2019
BR

Neste #DestaqueONUNews, desastres naturais podem levar 1,9 milhão de moçambicanos à insegurança alimentar; novas chuvas são esperadas em Bangladesh após temporal que inundou acampamento dos rohingya; e encerra em Nova Iorque o Fórum Político de Alto Nível de 2019.

Ciclones podem aumentar para 1,9 milhão o número de moçambicanos enfrentando insegurança alimentar

PMA destaca difícil situação que vai prevalecer até próxima safra prevista para março no país; cerca de 900 mil beneficiários são de áreas afetadas pelo ciclone Idai e 100 mil de regiões assoladas pelo ciclone Kenneth.

Guterres em Moçambique, ebola na RD Congo e animação portuguesa premiada na ONU

Neste #DestaqueONUNews, RD Congo confirma primeiro caso de ebola em cidade com mais de 2 milhões de pessoas, Guterres chama a atenção do mundo ao drama sofrido pelas pessoas afetadas pelos ciclones em Moçambique e portuguesa vence festival de filmes na ONU com animação sobre o desperdício de água.

Declarações do secretário-geral António Guterres em Moçambique

O secretário-geral das Nações Unidas disse esta quinta-feira, em Maputo, que “Moçambique tem autoridade moral inegável” para pedir apoio da comunidade internacional depois dos ciclones que atingiram o país em março e abril.  António Guterres falava aos jornalistas no final de um encontro com o presidente moçambicano, Filipe Jacinto Nyusi, e vários membros do governo.

ESPECIAL Moçambique: Guterres chega a um país em reconstrução após ciclones

Secretário-geral da ONU visita o país esta quinta e sexta-feira; em março e abril, ciclones Idai e Kenneth afetaram mais de 2,2 milhões de pessoas; esforços de reconstrução estão estimados em US$ 3,2 bilhões.*

Moçambique agradece a Cplp após ciclones: “Avancemos juntos nesta odisseia”

Primeiro-ministro moçambicano promete contribuição de forma eficaz para possível fundo de solidariedade para emergências; reunião com secretário-geral, António Guterres, aborda paz efetiva e reintegração de homens armados no país.