Caribe

Diretor-geral da FAO, José Graziano da Silva

Novo relatório afirma que a desigualdade aumenta a fome, a desnutrição e a obesidade na América Latina e no Caribe; todos os anos, mais 3,6 milhões de pessoas se tornam obesas na região; diretor geral da agência explica quais são os grandes desafios.

FAO alerta para aumento da obesidade na América Latina e Caribe

Na América latina, 96 milhões de adultos estão nessas condições; número de pessoas subnutridas subiu nos dois últimos anos, passando de 40 milhões para 42,5 milhões.