assassinato

Unesco quer investigação de assassinatos de jornalistas no México e na Nigéria
BR

Fidel Ávila Gómez, 34, foi encontrado morto no estado mexicano de Michoacán, um mês após desaparecimento; já o nigeriano Maxell Nashan foi assassinado após sequestro em meados de janeiro.

Especialistas pedem ao Brasil para garantir justiça no caso da ativista Marielle Franco
BR

Ativista de direitos humanos foi assassinada há um ano; dois ex-agentes policiais suspeitos de participar neste assassinato foram detidos; especialistas consideram o crime um ataque à democracia.

Unesco condena atentado à TV afegã no Afeganistão que deixou um morto
BR

Homens armados invadiram a estação Shamshad disfarçados de policiais; um segurança foi assassinado e 20 pessoas ficaram feridas.

Monica Grayley, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

Unesco condena atentado à TV afegã no Afeganistão que deixou um morto
BR

Unesco condena assassinato de jornalista Indiana Gauri Lankesh
BR

Repórter de 55 anos era editora e proprietária de um semanal Kannada-language, crítica de movimentos de extrema direita; ela foi morta a tiros na porta de casa no sul da Índia.

Unesco condena mortes de jornalistas no México e na Síria
BR

Sírio Bassel Khartabil Safadi morreu numa prisão; já Luciano Rivera Salgado foi morto a tiros no estado mexicano de Baja California; chefe da agência da ONU, Irina Bokova, pediu investigação de ambos os casos.

Laura Gelbert Delgado, da ONU News em Nova Iorque. 

Áudio -

Unesco condena mortes de jornalistas no México e na Síria
BR

ONU quer investigação sobre a morte de ministro burundês no Ano Novo

ONU quer investigação sobre a morte de ministro burundês no Ano Novo

Polícia revelou que titular da pasta da Água, do Ambiente e do Planeamento foi vítima de um “criminoso armado” durante a madrugada; ONU reitera que está pronta para continuar a apoiar mediação da organização regional.

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

Somália: novo assassinato faz subir número de jornalistas mortos para 31