Ana Lúcia Araújo

Fernando Frazão/Agência Brasil

Historiadora fala sobre “as lições que o mundo precisa aprender” em relações raciais

A acadêmica brasileira Ana Lúcia Araújo, autora do livro Slavery in the Age of  Memory, ou Escravidão na Era da Memória, falou à ONU News sobre o poder da educação na desconstrução de estereótipos e preconceitos; ela aborda temas como racismo, escravatura, escravidão e seus efeitos. 

 "Arca do Retorno", o memorial permanente, na sede da ONU em Nova Iorque, em reconhecimento da tragédia, em consideração ao legado da escravidão e do tráfico de escravos transatlântico.
ONU/Devra Berkowitz

Historiadora fala sobre “as lições que o mundo precisa aprender” em relações raciais BR

A acadêmica brasileira Ana Lúcia Araújo, autora do livro Slavery in the Age of  Memory, ou Escravidão na Era da Memória, falou à ONU News sobre o poder da educação na desconstrução de estereótipos e preconceitos; ela aborda temas como racismo, escravatura, escravidão e seus efeitos. 

Áudio
10'19"