Amélia Russo de Sá

Unicef: Malária mata 25% de menores de cinco anos em Angola

Unicef: Malária mata 25% de menores de cinco anos em Angola

A representante adjunta do Fundo da ONU para a Infância, Amélia Russo de Sá, disse que apesar de ser uma doença prevenível e tratável, a malária ainda é a principal causa de morbilidade e mortalidade infantil em Angola.

Áudio -

Governo do Japão apoia combate à malária em Angola

Governo do Japão apoia combate à malária em Angola

Entrega simbólica de 324 mil mosquiteiros às autoridades provinciais da Huíla decorreu esta quarta feira, na cidade do Lubango; endemia continua a ser a principal causa de morte em Angola.

Herculano Coroado, de Lubango para a Rádio ONU.

Áudio -