al-Arish

Conselho de Segurança: ataque que matou 9 no Egito foi “atroz e covarde”

Vítimas eram elementos da polícia; pelo menos 13 pessoas ficaram feridas na ação após invasão de posto do controlo; os 15 Estados-membros do órgão querem que responsáveis do ataque sejam levados à justiça.

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.

Os Estados-membros do Conselho de Segurança consideram “atroz e covarde” o ataque terrorista que ocorreu esta segunda-feira na cidade egípcia de al-Arish,  no norte do Sinai.