Ajuda Humanitária

República Centro-Africana: resposta humanitária precisa de US$ 430 milhões em 2019

Número de pessoas que precisa de assistência aumentou em 16% para 2,9 milhões; Plano de Resposta Humanitária visa salvar vidas, fortalecer proteção e preservar dignidade humana.

ONU anuncia tendências na ajuda humanitária

Escritório das Nações Unidas para os Assuntos Humanitários, Ocha, afirma que existem mais crises e que estas são mais prolongadas; número de situações adversas que recebem apoio internacional quase dobrou de 16 para 30.

Crianças centro-africanas têm pouca atenção internacional, diz Unicef

Situação de carência afeta 1,5 milhão de menores; conflito que iniciou em 2013 deixa mais de 43 mil menores de cinco anos em risco de sofrer de desnutrição severa aguda.

OMS apela a fim da violência para permitir passagem de apoio essencial aos iemenitas

Escalada de violência compromete assistência da agência na região de Hodeida; 400 mil crianças severamente desnutridas dependem de cuidados médicos urgentes para sobreviver.

Unicef Portugal angaria € 250 mil para ajudar crianças vítimas de desastres da Indonésia

Recolha de fundos ainda decorre; diretora executiva do Unicef Portugal confiante em atingir objetivo; terramoto e tsunami afetaram mais 600 mil pessoas, entre as quais muitas crianças.

Agências da ONU juntam forças para apoiar Nigéria

 Coordenador da Assistência de Emergência da ONU e administrador do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento estão no país africano para visita de dois dias; 7,7 milhões de pessoas a precisar de ajuda humanitária nos estados mais afetados de Borno, Adamawa e Yobe. 

Mais de 87% de habitantes já retornaram aos lares após libertação de Mossul

Entre meados de 2014 e julho de 2017 mais de1 milhão de pessoas teria deixado a área iraquiana; um ano após recuperação da cidade ONU precisa de mais de US$ 260,5 milhões para responder necessidades dos residentes.

Chefe humanitário vê “provas claras” de necessidade de ajuda à Coreia do Norte

Cerca de 10,6 milhões de pessoas precisam de assistência humanitária, segundo Mark Lowcock; esta é a primeira visita de um chefe humanitário da ONU ao país em sete anos.

Lowcock faz primeira visita de um chefe humanitário da ONU à Coreia do Norte em sete anos

Até quinta-feira, Mark Lowcoxk estará na capital Pyongyang e na província de Hwanghae; cerca de 40% da população norte-coreana precisa de apoio humanitário.

ONU anuncia chegada de ajuda a mais de 50 mil sírios no sul de Damasco
BR

Ação para a Síria é coordenada com Crescente Vermelho; continua apelo por maior acesso humanitário; reuniões juntam várias partes do processo a partir da próxima semana, em Genebra.