Ajuda Humanitária

Número recorde de 168 milhões de pessoas precisarão de ajuda em 2020
BR

Panorama Humanitário Global foi publicado esta quarta-feira; choques climáticos, surtos de doenças e conflitos são as principais causas do aumento; número de necessitados deve continuar a crescer, chegando a mais de 200 milhões em 2022.

Enviado da ONU destaca “sinais de esperança” para o Iêmen
BR

Conselho de Segurança debateu situação no país; Martin Griffiths destacou redução dos combates e libertação de prisioneiros; chefe humanitário disse que setembro foi o mês mais letal para civis, mas situação melhorou em outubro.

Falta de fundos leva ONU a fechar programas humanitários no Iêmen  

Maioria das campanhas de vacinação foi suspensa e distribuição de medicamentos foi interrompida; pelo menos 22 programas podem encerrar nos próximos dois meses se não houver financiamento; rações alimentares para 12 milhões de pessoas serão reduzidas e serviços essenciais cortados para milhões de crianças subnutridas.

Acnur precisa de US$ 210 milhões para ajudar e proteger milhares de refugiados de África
BR

Nova iniciativa pretende evitar que pessoas caiam nas mãos de traficantes ou contrabandistas; agência aponta aumento de pessoas sofrendo de problemas de saúde “extremamente precária” e trauma psicológico.

Nova fase de ajuda para recuperar Moçambique

Neste Destaque ONU News Especial, o embaixador de Moçambique junto às Nações Unidas explica a segunda fase da ajuda humanitária, a fase de reconstrução. António Gumende acaba de chegar do país, onde acompanhou de perto o impacto dos dois ciclones que aconteceram em 45 dias. Na sede da ONU, o representante participou de uma reunião, na quarta-feira, para debater as formas de apoio da comunidade internacional.

Cobertura Especial: temporada de ciclones em Moçambique

País foi atingido pelo ciclone Kenneth, seis semanas depois do ciclone Idai ter deixado um rasto de destruição; área mais afetada pelo ciclone Kenneth é a província moçambicana de Cabo Delgado.

Destaque ONU News - 16 de abril de 2019

Neste #DestaqueONUNews, Unesco disponibiliza equipa de peritos para avaliar estragos na Catedral de Notre-Dame, em Paris; em Moçambique continuam as operações de ajuda humanitária e analisamos as mudanças políticas na Guiné-Bissau.

Guterres promete a moçambicanos: “não nos vamos esquecer de vocês”

Secretário-geral falou a jornalistas sobre desastre natural em Moçambique, Maláui e Zimbábue; ONU lançou apelo humanitário de US$ 282 milhões para apoiar 1,7 milhão de pessoas no país lusófono nos próximos três meses; acompanhe aqui a cobertura especial da ONU News.

ONU aprova US$ 20 milhões para ajudar vítimas do ciclone em Moçambique
BR

Cheias do ciclone Idai causaram pelo menos 202 mortes e 17 mil deslocados;  número de vítimas deve aumentar com mais chuvas previstas para várias províncias moçambicanas; UE anunciou um apoio de €3,5 milhões para os três países afetados.

Destaque ONU News Especial - Apoio às vítimas do ciclone em Moçambique

A representante do Programa Mundial de Alimentação, PMA, em Moçambique coordena a resposta internacional ao período pós-ciclone no país. Karin Manente diz haver necessidade de mais recursos nos próximos dias. O Instituto Nacional de Gestão de Calamidades, Ingc, está na liderança do processo.