Ajuda Humanitária

Refugiados sírios no Líbano estão cada vez mais pobres
BR

Pesquisa de agências da ONU mostra que mais da metade, ou 500 mil, enfrenta pobreza extrema, vivendo com menos de US$ 2,87 por dia; entre 10 refugiados, nove têm dívidas e emprestam dinheiro para comprar comida e pagar aluguel.

Chefe humanitário da ONU fará sua primeira visita à Síria
BR

Confrontos foram suspensos em várias áreas do país enquanto em outras correm operações militares; Nações Unidas revelam que abrigos estão acima das capacidades em áreas de destino de novos deslocados.

OMS tem plano para acabar com epidemias em Madagáscar

Diretor-geral da Organização Mundial da Saúde visita país africano e sugere melhor acesso a cuidados de saúde, vigilância e implementação de regulamentações internacionais.

PMA preocupado com acesso dos rohingya a alimentos nutritivos
BR

Milhares de centro-africanos fogem da violência e seguem para o Chade

PMA entregou alimentos a meio milhão de nigerianos com apoio europeu

Agência revela que muitos necessitados não teriam sobrevivido sem doação de mais de € 20 milhões; valor foi canalizado aos estados nordestinos de Borno, Yobe e Adamawa no ano passado.

Campanha contra o sarampo vacina mais de 5 milhões de crianças na Somália
BR

Autoridades registaram 23 mil casos suspeitos da doença em 2017; mais de 80% dos casos ocorreram em menores de idade; nível foi considerado muito elevado em relação aos anos anteriores.

Representante da ONU alerta para estado de “catástrofe” no Iêmen
BR

Mark Lowcock é subsecretário-geral para Assuntos Humanitários; situação piorou com aumento dos ataques aéreos, apesar dos portos terem sido abertos para a entrada de combustível e alimentos; ele aprova US$ 50 milhões para ajudar civis.

Equipes de saúde reprodutiva da ONU ajudam mulheres em Alepo
BR

Milhares de civis na região ficaram sem acesso a serviços de saúde durante anos; Unfpa forneceu cuidados pré-natal e pós-parto, além de serviços de saúde reprodutiva.

OIM inicia ano com retorno voluntário de migrantes que estão na Líbia

Primeiro avião deixou o país com 142 civis da Gâmbia; na próxima semana será a vez de 180 nigerianos retornarem a Lagos; agência já identificou 432 mil migrantes que estão na Líbia.