África

Missão integrada pela ONU deve retornar à Guiné-Bissau
BR

Delegação esteve no país domingo para tentar mediar crise após prisão do primeiro-ministro e do chefe das forças armadas; missão é formada também por União Africana, Cedeao e Cplp.

ONU lamenta incidentes políticos na Guiné-Bissau

Primeiro-ministro, Carlos Gomes Júnior e chefe das Forças Armadas, Zamora Induta, foram detidos e depois libertados por militares; ex-comandante da Marinha, Bubo Na Tchuto, que estava refugiado nas instalações da ONU em Bissau, abandonou o edifício de forma voluntária.