África

ONU pede a Gbagbo que deixe o poder na Cote d’Ivoire

Ban Ki-moon exige às forças em conflito no país, respeito pelos civis e alerta contra eventuais violações dos direitos humanos, ao mesmo tempo que volta a pedir que ex-presidente entregue o cargo ao vencedor das eleições de Novembro.

Entrevista: Estigma do Sida em Moçambique

Conselho de Segurança impõe sanções a Cote d’Ivoire
BR

Medidas incluem proibição de viagem e congelamento de bens do presidente Laurent Gbagbo, de sua esposa e três assessores; violência política causada por impasse pós-eleitoral gerou fuga de mais de 1 milhão de pessoas do país africano, também conhecido como Costa do Marfim.

OMI lança centro de informações sobre pirataria no mar

A estrutura deve fornecer informações sobre as movimentações de piratas ao largo do Corno de África, que permitam acções rápidas das forças que protegem o trânsito marítimo na região.

Conselho de Segurança impõe sanções a Cote d’Ivoire

Numa resolução unânime, os 15 membros do Conselho impuseram limitações a ex-presidente Laurent Gbagbo e a membros de sua família além de pessoas da sua confiança; ONU pede o fim imediato da violência contra civis no país.

ONU revela resultados positivos na luta contra Sida

Um relatório do Secretário-Geral mostra que os esforços mundiais para reduzir a pandemia do HIV-Sida começam a resultar em menos pessoas infectadas, mais doentes com tratamentos e menos mortes.

Ocha alerta para aumento das vítimas da seca na África oriental (Português África)

A falta de chuva está a pôr em risco de vida milhões de pessoas e cabeças de gado em vários países do continente.

Onusida apoia pesquisa sobre seropositivos em Moçambique

A agência da ONU aponta a questão do estigma e discriminação como um dos graves impedimentos à luta contra a doença no país; o estudo pretende oferecer um cenário mais realista sobre a situação.

Banco Mundial financia biodiversidade no Benim

O investimento de USD 6,9 milhões vai permitir a manutenção a longo prazo de parques florestais de grande importância ao nível dos ecossistemas e da biodiversidade numa área que abrange o Benim, o Níger e o Burkina Faso.

Banco Mundial: emigrantes são vitais para África

Os governos africanos podem rentabilizar as remessas em benefício do desenvolvimento económico das suas nações; é a conclusão de um estudo que apresenta soluções inovadoras de participação dos emigrantes na vida dos seus países de origem.