África

Recessão fez subir número de famintos, diz ONU (Português para o Brasil)
BR

Segundo organização, desemprego em massa agravou situação apesar da queda no preço dos alimentos; Nações Unidas querem mais investimentos na pequena agricultura de países pobres.

Monuc reforça cooperação com exército congolês (Português para África)

Criação de centros conjuntos de coordenação militar visa aumentar a segurança na província de Kivu Norte onde rebeldes ruandeses continuam a atacar civis, tropas congolesas e capacetes azuis.

60 mil somalis regressaram a Mogadíscio desde Janeiro

Mas segundo o Acnur, o aumento do número de retornados à capital coincidiu com uma nova vaga de pessoas que procuraram refúgio em países vizinhos.

PAM diz que pirataria ameaça ajuda alimentar em África

Segundo a agência da ONU o cargueiro Maersk Alabama, sequestrado na semana passada, transportava 232 contentores de comida para a Somália, Quénia e Uganda; cerca de 111 navios foram atacados por piratas o ano passado na região.

"Impunidade não pode ser tolerada"

Uma das três magistradas a emitir o mandado de prisão contra o presidente do Sudão, em março, a brasileira Sylvia Steiner diz que caso ajudou a comprovar que ‘ninguém está acima da lei’.

ONU diz que Darfur vive período de relativa acalmia

Mas a Unamid continua preocupada com a segurança dos trabalhadores humanitários, após a expulsão das ONGs o mês passado; um fórum sobre direitos humanos terá lugar na província esta terça-feira.

Banco Mundial renova crédito rural no Uganda (Português para África)

O programa de crédito visa permitir o acesso dos agricultores pobres a serviços modernos de energia e tecnologias de informação.

Chefe da Monuc diz que missão precisa de meios prometidos

Apesar de reconhecer progressos sobre fim do conflito, a missão da ONU na RD Congo diz que tem a sua eficácia limitada por falta de meios.

Acusações de bruxaria contra crianças preocupam, diz Acnur
BR

Vítimas são perseguidas e até mortas; agência da ONU diz que problema é do mais sérios em acampamentos de refugiados em todo o mundo; albinos também sofrem agressões.

Enviado da ONU diz que ataque na Somália é provocação

Numa semana, seis navios forma alvo dos piratas da costa da Somália que se aventuram cada vez mais longe para os ataques; representante da ONU pede resposta com actos contra o que diz ser uma provocação.