África

Ban saúda acordo político no Madagáscar (Português África)

Ban Ki-moon pediu aos dirigentes malgaxes para acelerarem a formação de um governo de unidade nacional e criarem instituições de transição conforme estipulado no acordo de Maputo

Correios podem contribuir para inclusão financeira (Português Brasil)

Experiência brasileira no assunto será discutida em um workshop de dois dias na sede da União Postal Universal, UPU, em Berna, na Suíça.

Embaixadora do Brasil na ONU vai a África
BR

Maria Luiza Ribeiro Viotti visita Addis-Abeba, na Etiópia, sede da União Africana e Abuja, capital da Nigéria; embaixadora também é presidente da estratégia da Comissão de Consolidação da Paz da ONU para a Guiné-Bissau.

ONU quer reforçar parcerias para paz em África

Périplo da presidente da estratégia da Comissão de Consolidação da Paz da ONU para a Guiné-Bissau ao continente visa fortalecer cooperação com a UA e a Cedeao.

Conflito tribal desloca 16 mil na RD Congo

Segundo o Acnur, cerca de 60 pessoas morreram e mais de 40 ficaram gravemente feridas esta última semana durante confrontos tribais perto da fronteira com a República do Congo; conflito foi causado por disputas sobre direitos de pasto e pesca.

Acnur:US$ 2,8 milhões para as cheias no Quénia

Montante será usado para obras de beneficiação nos campos de refugiados de Kakuma e Dadaab e para comprar bens essenciais para responder a possíveis surtos de doenças.

ONU sanciona capacetes azuis por abuso sexual

Pelo menos 33 militares foram alvo de medidas disciplinares em 2009; alguns casos envolveram soldados de paz que serviram na República Democrática do Congo, Haiti, Líbano, Cote d´Ivoire, Libéria e Sudão.

Drogas e crime afectam estabilidade da Guiné-Bissau

Alerta foi feito pelo representante da ONU na Guiné-Bissau, Joseph Mutaboba, durante uma reunião do Conselho de Segurança sobre o país; segundo o Unodc registou-se uma queda significativa nas apreensões de droga na África Ocidental, nos últimos 18 meses.

TPI vai investigar violência no Quénia

Promotor do órgão disse em Nairobi que vai pedir aos juízes do Tribunal Penal Internacional, com sede em Haia, na Holanda, para iniciarem um inquérito aos confrontos étnicos que mataram cerca de 1,5 mil pessoas após as eleições de Dezembro de 2007.

Conselho de Segurança debate situação na Guiné-Bissau

Representante de Ban Ki-moon e chefe do missão da ONU na Guiné-Bissau, Unogbis, Joseph Mutaboba, vai informar os membros do órgão sobre os últimos desenvolvimentos no país.