Unicef alerta para uma geração de crianças no leste da Ucrânia prejudicada pela violência
BR

18 fevereiro 2022

Ataques a jardins da infância e escolas tem sido realidade nos últimos oito anos, com mais de 750 estabelecimentos destruídos pelo conflito; segundo agência da ONU, crianças no leste do país vivem em uma das regiões do mundo com mais minas terrestres.  

Ataques a jardins de infância e a escolas são uma “triste realidade para as crianças do leste da Ucrânia”, alerta o Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef. Nos últimos oito anos, mais de 750 estabelecimentos de ensino foram danificados, prejudicando milhares de alunos dos dois lados da linha de contato. 

A agência revela também que o conflito tem gerado um peso enorme no bem estar psicossocial de toda uma geração de crianças no leste da Ucrânia, que vivem, inclusive, em uma das áreas do mundo com mais minas terrestres.  

Brincando em zonas com explosivos  

Pessoas caminham próximas a um prédio destruído em Donetsk, Ucrânia.
Foto: © UNICEF/Ashley Gilbertson
Pessoas caminham próximas a um prédio destruído em Donetsk, Ucrânia.

Todos os dias, essas crianças ucranianas brincam e circulam em áreas onde há minas escondidas e outros dispositivos fatais que sobraram da guerra. Nos últimos anos, o Unicef tem fornecido apoio psicológico para a população da região, além de já ter ensinado 180 mil menores e seus responsáveis sobre os perigos das minas.  

A agência da ONU pede a todos os lados em conflito para respeitarem a Declaração de Escolas Seguras e assim, proteger as crianças, suas famílias e educadores de ataques, independente das circunstâncias. 

O Unicef lembra que as escolas precisam ser locais seguros, onde as crianças estão totalmente protegidas de qualquer ameaça ou crise, sendo um espaço para aprender, brincar e desenvolver todo o seu potencial. O direito à educação não pode ser preservado sem que o próprio setor da educação seja protegido.  

 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud