Em Dia Internacional, ONU quer mais investimento em emergências sanitárias BR

Em 27 de dezembro, a ONU marca o Dia Internacional de Preparação Epidemiológica
Unsplash/Matteo Jorjoson
Em 27 de dezembro, a ONU marca o Dia Internacional de Preparação Epidemiológica

Em Dia Internacional, ONU quer mais investimento em emergências sanitárias

Assuntos da ONU

Neste 27 de dezembro, as Nações Unidas comemoram pela segunda vez o Dia Internacional de Preparação Epidemiológica; em vídeo, secretário-geral diz que humanidade deve estar preparada para novas epidemias e defende Cobertura Universal de Saúde.

As Nações Unidas marcam neste 27 de dezembro o Dia Internacional de Preparação Epidemiológica. 

Comemorada pela primeira vez no ano passado, a data lembra os desafios da pandemia de Covid-19 e de outras doenças com recorde de vítimas em todo o mundo. 

Em Dia Internacional, ONU quer mais investimento em emergências sanitárias

Investimentos

Neste vídeo, o secretário-geral da ONU, António Guterres, lembrou que o coronavírus se espalhou com rapidez colocando à prova os sistemas de saúde em todo o mundo.

“A Covid-19 demonstrou a rapidez com que uma doença contagiosa se pode espalhar pelo mundo, levar os sistemas de saúde ao limite e prejudicar a rotina de toda a humanidade”.

Para Guterres, essa não será a última pandemia que a humanidade vai enfrentar. Por isso, ele sugere que o mundo responda ao Covid enquanto se prepara para a próxima crise de saúde.

O líder das Nações Unidas afirma que é necessário aumentar o investimento na vigilância, diagnóstico precoce e planos de resposta rápida em todos os países, especialmente nos mais vulneráveis.

Ele também reforçou a importância no acesso aos cuidados de saúde primários e intervenções que “salvam vidas”, como as vacinas, para todos. 

A OMS continua chamando a atenção para a desigualdade no acesso às vacinas de Covid
Aeia/Dean Calma
A OMS continua chamando a atenção para a desigualdade no acesso às vacinas de Covid

Solidariedade 

Guterres adicionou que a cooperação global é fundamental.

“Acima de tudo, significa construir solidariedade global para dar a cada país uma oportunidade de lutar para travar essas doenças. Um surto em qualquer lugar é uma potencial pandemia em outra parte.”

No Dia Internacional de Preparação Epidemiológica, o secretário-geral pede que sejam dados o foco, a atenção e o investimento merecidos ao problema, a fim de alcançar uma Cobertura Universal de Saúde.

As Nações Unidas lembram que a cooperação internacional e o multilateralismo desempenham um papel importante na resposta às epidemias. 

A ONU reconhece o papel e a responsabilidade dos governos e demais partes relevantes no enfrentamento dos desafios globais de saúde, especialmente as mulheres, que representam mais de 70% dos profissionais do setor.

A data foi instituída pela Assembleia Geral em um convite aos governos, sociedade civil, setor privado e cada indivíduo a transformar a pandemia de Covid-19 em uma oportunidade de recuperação e reconstrução.