Sete coisas que você precisa saber sobre poluição interna do ar e como se proteger
BR

23 agosto 2021

Agência da ONU para o Meio Ambiente, Pnuma, alerta que 3 bilhões de pessoas ainda utilizam carvão ou querosene em casa; fontes inseguras de combustível são usadas pelos mais pobres do mundo para cozinhar e aquecer os lares. 

O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, Pnuma, lançou uma lista de sete coisas que todos precisam saber sobre a poluição interna do ar, que mata, por ano, quase 4 milhões de pessoas. 

Muitas não resistem a doenças causadas pela inalação da fumaça produzida por querosene, lenha ou carvão, que ainda são muito utilizados pelos mais pobres para cozinhar e aquecer ambientes.  

Poluição do ar na Nigéria
Foto: © UNICEF/Bindra
Poluição do ar na Nigéria

Doenças graves 

O Pnuma explica que essas fontes de combustível “são péssimas para a saúde”, deixando milhões de pessoas doentes ou com queimaduras, todos os anos. A poluição interna do ar causa derrames, doenças do coração, câncer do pulmão, entre outras enfermidades.  

Nas casas com fogões à lenha ou carvão, os níveis de partículas finas às vezes excedem em até 100 vezes as recomendações da OMS. A combustão doméstica é também o segundo maior contribuinte para a mudança climática, após o dióxido de carbono, CO2. 

Agenda 2030 

O terceiro ponto abordado pelo Pnuma destaca que fontes de energia limpa, como fogões de baixa emissão de poluentes, podem salvar milhões de vidas, além de estarem alinhadas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, ODSs.  

Alternativa sustentável: lanternas solares substituem lâmpadas de querosene
Foto: UN/Tanzania
Alternativa sustentável: lanternas solares substituem lâmpadas de querosene

A agência da ONU explica também que um meio ambiente saudável é uma obrigação constitucional. Apesar disso, 3 bilhões de pessoas no mundo utilizam combustíveis inseguros em casa, e geralmente, são habitantes dos países mais pobres.  

Segundo o Pnuma, o acesso a combustíveis limpos para cozinhar está aumentando apenas 1% por ano.   

Mulheres são as mais afetadas 

A quinta informação da agência é a seguinte: mulheres e meninas são as que mais sofrem com a poluição interna do ar. São as mais vulneráveis à querosene utilizada na hora de cozinhar e a explosões.  

Além disso, quase metade das mortes por pneumonia em crianças menores de cinco anos é consequência da fuligem inalada dentro de casa. A exposição a esses poluentes também afeta o cérebro e causa atrasos no desenvolvimento e problemas de comportamento.  

Dia Internacional  

O Pnuma destaca que a poluição interna pode ser reduzida se os países criarem legislações específicas e investirem em fontes limpas de energia, como biogás, etanol e petróleo liquifeito. Com isso, haverá também redução das mortes e de doenças.  

A agência da ONU garante estar comprometida em reduzir a poluição do ar e criou, por exemplo, a Coalisão do Clima e do Ar Limpo, além de celebrar, no dia 7 de setembro, o Dia Internacional do Ar Puro para Céus Azuis, promovento um ar saudável e um planeta saudável.  

7 de setembro é o Dia Internacional do Ar Puro para Céus Azuis
Foto: Centro de Comunicação de Proteção Ambiental do Município de Pequim
7 de setembro é o Dia Internacional do Ar Puro para Céus Azuis

Conheça aqui as sete coisas que você precisa saber sobre a poluição interna: 

  • É terrível para a saúde humana; 
  • Combustíveis domésticos são péssimos para o meio ambiente; 
  • Fontes de energia acessíveis podem ajudar a reduzir a poluição do ar; 
  • Poluição doméstica do ar está ligada à pobreza e desigualdades; 
  • Mulheres e meninas são as que mais sofrem; 
  • Países podem reduzir as mortes com legislação específica e investimentos;  
  • O Programa da ONU para o Meio Ambiente está dedicado a reduzir a poluição do ar. 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud