Timor-Leste recebe mais vacinas da Covax para imunizar um quinto da população 

16 agosto 2021

Envio do Japão visa ajudar a imunizar timorenses que integram grupo prioritário; país voltou a renovar estado de emergência em agosto para conter infecções; pico de casos ocorreu em maio.  

Esta segunda-feira marca a chegada de um total de 168 mil doses de vacinas contra a Covid-19 a Timor-Leste, como parte do mecanismo Covax. 

A doação do Japão faz parte do total de 500 milhões de unidades destinadas ao país lusófono, no sudeste da Ásia.  A iniciativa global Covax leva imunizantes a nações em desenvolvimento. O alvo é alcançar 20% da população timorense identificada como grupo prioritário. 

Unicef e OMS 

O Fundo da ONU para a Infância, Unicef, e a Organização Mundial da Saúde, OMS, apoiam o plano nacional de implantação de vacinas por todo o país. 

O Timor-Leste decidiu estender o estado de emergência neste mês de agosto por causa do aumento de novos casos. 

Ministra timorense da Saúde, Odete Maria Freitas Belo, tem incentivado a colaboração para combater a pandemia
OMS/Elisabeth
Ministra timorense da Saúde, Odete Maria Freitas Belo, tem incentivado a colaboração para combater a pandemia

 

A semana passada fechou com mais 12 mil infecções pela Covid-19 e pelo menos 29 mortes notificadas em Timor-Leste.  

Parceiros 

A iniciativa Covax faz parte do Acelerador de Acesso a Ferramentas contra a Covid-19. O mecanismo é administrado pela OMS, pela Coalizão para Inovações de Preparação para Epidemias, Cepi e pela Aliança Global de Vacinas, Gavi. 

Além de agências da ONU, a implementação envolve a sociedade civil, alguns fabricantes de vacinas, o Banco Mundial e outros.  

Antes da chegada das 168 mil doses a Díli, capital do Timor, a Nova Zelândia forneceu 24 mil unidades a Timor-Leste como parte do mecanismo de partilha de imunizantes. 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud