Dia Internacional da Diversidade Biológica quer despertar ação de todos   BR

Parque Nacional de Arcadia, em Maine, nos Estados Unidos
ONU News/Elizabeth Scaffidi
Parque Nacional de Arcadia, em Maine, nos Estados Unidos

Dia Internacional da Diversidade Biológica quer despertar ação de todos  

Clima e Meio Ambiente

Em mensagem, secretário-geral da ONU lembra que número de espécies animais e vegetais está diminuindo a uma taxa sem precedentes; crise eleva risco de doenças transmitidas de animais para humanos como a Covid-19. 

Este sábado, 22 de maio, é o Dia Internacional da Diversidade Biológica.  

O tema é “Somos parte da solução” e lembra que a biodiversidade continua sendo a resposta para vários desafios do desenvolvimento sustentável. 

Natureza 

Em mensagem sobre a data, o secretário-geral da ONU, António Guterres, afirmou que “a biodiversidade está diminuindo a uma taxa sem precedentes e alarmante e as pressões estão se intensificando.”  

Biodiversidade continua diminuindo, mesmo dentro de muitas áreas protegidas
Unsplash/Aaron Burden
Biodiversidade continua diminuindo, mesmo dentro de muitas áreas protegidas

Segundo ele, o mundo está “esgotando os recursos mais rápido do que a natureza pode reabastecê-los.” 

Guterres disse que a pandemia “lembrou da relação íntima entre as pessoas e a natureza” e que existe, agora, uma oportunidade de recuperar melhor. 

Ele contou que é preciso proteger a natureza, restaurar ecossistemas e estabelecer um equilíbrio na relação com o planeta. Se isso acontecer, ele afirma que “as recompensas serão tremendas.” 

Revertendo a perda de biodiversidade será possível melhorar a saúde humana, alcançar o desenvolvimento sustentável e enfrentar a emergência climática. 

Soluções 

O secretário-geral afirmou que existem soluções para proteger a diversidade genética do planeta, em terra e no mar, e que todos têm um papel a desempenhar. 

Segundo ele, “escolhas de estilo de vida sustentável são a chave.” 

Guterres disse que todos, em todos os lugares, devem ter a escolha de forma sustentável. Para ele, “isso significa melhores políticas que promovam o governo, as empresas e a responsabilidade individual.” 

O chefe da ONU informou que, em outubro, governos de todo o mundo se reúnem em Kunming, na China, para a Conferência de Biodiversidade da ONU. O objetivo é chegar a um acordo sobre uma nova estrutura global ambiciosa.  

Terminando sua mensagem, o secretário-geral pede que todos apoiem esta missão, defendendo a natureza, e sendo parte da solução. 

Biodiversidade é essencial para sobrevivência humana, através de atividades como pesca
Seychelles Tourism Board/Ennio Maffei
Biodiversidade é essencial para sobrevivência humana, através de atividades como pesca

Importância 

A diversidade biológica é muitas vezes entendida em termos da grande variedade de plantas, animais e microrganismos, mas também inclui diferenças genéticas dentro de cada espécie, como as variedades de safras e raças de gado.  

O termo também inclui a variedade de ecossistemas, como lagos, florestas e desertos, onde acontecem vários tipos de interações entre seus membros, sejam humanos, plantas ou animais. 

Segundo a ONU, estes recursos são os pilares sobre os quais se constroem civilizações. 

Plantas e peixes 

Os peixes fornecem 20% da proteína animal para cerca de 3 bilhões de pessoas. Mais de 80% da dieta humana é fornecida por plantas. Cerca de 80% das pessoas que vivem em áreas rurais de países em desenvolvimento dependem de medicamentos tradicionais à base de plantas. 

A perda de biodiversidade também ameaça a saúde dos humanos, com o aumento de doenças zoonóticas, transmitidas de animais para humanos, como a Covid-19.  

Para tentar responder a esta crise, no próximo 5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente, a ONU lança a Década das Nações Unidas para a Restauração do Ecossistema.