Total global de novos casos de Covid-19 cai pela terceira semana consecutiva
BR

1 fevereiro 2021

Para OMS, dados mostram que o vírus pode ser controlado, mesmo com as novas variantes em circulação; agência lançou relatório global sobre sistemas de dados de saúde; pesquisa revela que quatro em cada 10 mortes permanecem sem registro no mundo.

A Organização Mundial da Saúde, OMS, informou esta segunda-feira que o número global de novos casos de Covid-19 caiu na semana passada pela terceira semana consecutiva. 

Falando a jornalistas em Genebra, o diretor-geral da agência, Tedros Ghebreyesus, disse que “ainda existem muitos países com um número crescente de casos, mas em nível global, esta é uma notícia animadora.”

Precaução

Para o chefe da agência, estes dados mostram que “o vírus pode ser controlado, mesmo com as novas variantes em circulação.”

Tedros lembra, no entanto, que esta situação já aconteceu. No ano passado, houve momentos em quase todos os países em que os casos diminuíram e os governos abriram muito rapidamente, permitindo que o vírus voltasse.

ONU News/Anton Uspensky
Parque em Nova Iorque, onde os desportos colétivos foram proíbidos por causa da pandemia

Por isso, o chefe da OMS afirma que, à medida que as vacinas começam sendo distribuídas, “é vital que os governos permitam que as pessoas façam as escolhas certas, seja tornando a quarentena mais fácil de cumprir ou tornando os locais de trabalho mais seguros.”

Informação

Também esta segunda-feira, a OMS lançou o Relatório Global Score sobre sistemas e capacidade de dados de saúde em todo o mundo. Este é o primeiro estudo desse tipo, cobrindo 133 sistemas de informação de saúde e cerca de 87% da população mundial.

Segundo a pesquisa, quatro em cada 10 mortes permanecem sem registro. A OMS pede investimentos urgentes para fortalecer estes sistemas, para apoiar a resposta e recuperação da Covid-19, o progresso em direção à cobertura universal de saúde e o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Campanha

A OMS também anunciou que o presidente da Federação Internacional de Futebol, Fifa, Gianni Infantino, e o ex-jogador Michael Owen se juntaram à campanha “ACT Together.”

Novavax
Várias vacinas já foram aprovadas e estão sendo distribuidas

A iniciativa pretende promover o acesso equitativo às vacinas Covid-19, a tratamentos e aos  diagnósticos. Segundo Tedros, “a Fifa tem apoiado fortemente os esforços globais para proteger os fãs de futebol da Covid-19.”

No ano passado, a OMS firmou uma nova parceria com a Fifa para aproveitar o enorme poder do futebol na promoção da saúde.

Também em 2020, a organização contribuiu com US$ 10 milhões para o Fundo de Resposta Solidária Covid-19 e conduziu várias campanhas para aumentar a conscientização sobre o vírus, promover a atividade física e impedir a violência contra as mulheres.

Até esta segunda-feira, tinham sido confirmados mais de 102 milhões de casos em todo o mundo e cerca de 2.217 milhões de mortes. 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

OMS divulga plano de 10 anos para acabar com doenças tropicais negligenciadas

Agência da ONU propõe metas ambiciosas com aspectos inovadores para combater 20 doenças que afetam mais de 1 bilhão de pessoas pobres em áreas com escassez de água, potável saneamento básico e serviços de saúde; ação quer reduzir dengue, leishmaniose e outras doenças em até 75%.