Dia Internacional da Onça Pintada pede mais esforços para conservação da espécie 
BR

29 novembro 2020

Animal é o maior carnívoro e o único grande felino nativo nas Américas; presença vai do México à Argentina passando pelo Brasil; artista Romero Britto junta-se à ONU em campanha de conservação; quase metade da escala original das onças pintadas já se perdeu devido à caça furtiva, fragmentação de habitat e outras ameaças. 

Neste 29 de novembro, o mundo comemora o Dia Internacional da Onça Pintada. O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, Pnuma, junta-se a várias entidades locais e internacionais para promover a proteção da espécie. 

Considerada o maior carnívoro nas Américas, a onça pintada está presente em 18 países incluindo o Brasil.  Mas riscos como caça criminosa, conflitos com humanos e a conversão da terra e do habitat têm ameaçado o grande felino.  

Romero Britto participa de exibições que destacam a beleza da onça-pintada, BRITTO Studios

Bacia Amazônica 

Com base nessas análises, quase metade da escala original das onças pintadas é tida como perdida. 

A maior colônia continua sendo a Bacia Amazônica, mas elas ainda se concentram em menor quantidade pela América Central com uma forte presença no Panamá nas densas florestas da região de Darién, no sul do país. 

No mês passado, a ONU News entrevistou o artista brasileiro, Romero Britto, que aderiu com seus quadros a uma campanha para salvar a onça pintada em seu país de origem, o Brasil. 

“Ainda temos na Amazônia e no Pantanal do Brasil. Eu acho que é importante para todos nós preservar e trabalhamos mais e fazer com que todas as pessoas fiquem interessadas neste projeto que é tão importante para todos nós.” 

Diversidade biológica 

Há dois anos, a Conferência dos Estados-Partes da Convenção sobre Diversidade Biológica, COP14, apresentou um plano de conservação das onças pintadas nas Américas até 2030. 

O documento sugeriu a criação de um corredor de conservação do anm do México à Argentina ao assegurar a proteção de 30 sítios prioritários ao projeto. 

A existência da onça pintada também demonstra o cuidado com um ecossistema saudável, que é a base para um futuro sustentável para todos. A iniciativa conta com o apoio de governos, do setor privado, da sociedade civil e parceiros internacionais. 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

Romero Britto junta-se à ONU para promover biodiversidade brasileira 

Artista participa de exibições que destacam a beleza da onça-pintada, que corre risco de extinção, e é tida como um dos símbolos da biodiversidade no Brasil; evento que começou em São Paulo terminará em Nova Iorque, em 2021, percorrendo várias cidades das Américas.