Secretário-geral saúda cessar-fogo entre Azerbaijão e Armênia.
BR

10 outubro 2020

O conflito em Nagorno-Karabakha eclodiu nas últimas duas semanas; António Guterres apela a que o cessar-fogo seja respeitado e que as partes cheguem a um acordo rápido sobre os parâmetros específicos do regime.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, saúda o acordo sobre um cessar-fogo humanitário entre o Azerbaijão e Armênia. 

O acordo foi anunciado na sexta-feira, em Moscou, pelos ministros das Relações Exteriores dos dois países e da Rússia. Guterres elogia a Federação Russa por seus esforços de mediação.

Apelo

António Guterres apela ainda à comunidade internacional para que apoie o acordo

Em nota emitida por seu porta-voz, o chefe da ONU apela a que o cessar-fogo seja respeitado e que as partes cheguem a um acordo rápido sobre os parâmetros específicos do regime de cessar-fogo.

O secretário-geral também saúda o compromisso da Armênia e do Azerbaijão de iniciar negociações substantivas sob os auspícios dos co-presidentes do Grupo de Minsk e da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa, Osce.

António Guterres apela ainda à comunidade internacional para que apoie o acordo e continue a encorajar as partes a resolver suas diferenças por meios pacíficos.

O conflito na região de fronteira, localizada no sul do Cáucaso, persiste por mais de três décadas, com a última rodada de hostilidades entre a Armênia e o Azerbaijão eclodindo nas últimas duas semanas.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud