Guterres pede que mais países financiem esforço global da vacina contra Covid-19 
BR

30 setembro 2020

Evento de alto nível reuniu líderes mundiais, secretário-geral, chefe da OMS e representantes da sociedade civil incluindo Bill Gates; OMS diz que mundo precisará de US$ 35 bilhões para levar imunização a todos.

O secretário-geral da ONU pediu na quarta-feira que todas as nações forneçam mais fundos urgentemente necessários para garantir que todos receberão a futura vacina contra a Covid-19.  

Num evento de alto nível, António Guterres disse que esse apoio deve ser feito através do ACT-Accelerator, uma ferramenta criada pela ONU em abril, e a iniciativa Covax. 

Distribuíção de vacinas será fundamental no combate à pandemia, by Unrwa/Khalil Adwan

Objetivos 

Nas últimas semanas, o ACT-Accelerator angariou cerca de US$ 1 bilhão, com contribuições de países como Reino Unido, Canadá, Alemanha e Suécia, e organizações como o Banco Mundial.  

São precisos, no entanto, US$ 35 bilhões, ao todo para cumprir os objetivos de produzir 2 bilhões de doses de vacina, 245 milhões de tratamentos e 500 milhões de testes. 

Desse total, US$ 15 bilhões devem ser destinados, até o final do ano com urgência, para garantir fundos para pesquisa, produção e distribuição.   

Segundo o chefe da ONU, “esses recursos são cruciais para não se perder a janela de oportunidade de compra e produção antecipada, para criar estoques, apoiar a pesquisa e ajudar os países a se prepararem.” 

Guterres disse ainda que “qualquer atraso aumentaria ainda mais as desigualdades, que já são enormes.” 

Custo 

Segundo dados da ONU, a pandemia está custando à economia global US$ 375 bilhões por mês. Até o momento, a Covid-19 já fez perder 500 milhões de empregos. 

Guterres contou que os países desenvolvidos dedicaram trilhões de dólares para responder aos impactos socioeconômicos da crise. Agora, ele pede que “invistam uma pequena fração disso para impedir a propagação da doença em todos os lugares.” 

Valor necessário é equivalente ao que o mundo gasta com cigarros a cada duas semanas

Segundo ele, “ajudando os outros, eles vão se ajudar.” 

Soluções 

No evento, o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde, OMS, destacou todas as soluções que a ciência está oferecendo, na forma de novos testes, terapias e, em breve, espera-se, vacinas. 

Tedros Ghebreyesus afirmou, no entanto, que “ciência e soluções são ineficazes sem solidariedade.” 

Segundo ele, o ACT-Accelerator já teve “resultados impressionantes” quando disponibilizou 120 milhões de testes rápidos para países de baixa e média renda e garantiu estoques de dexametasona, uma droga eficaz no tratamento de formas graves de Covid-19. 

Tedros afirmou que “agora é a hora de aproveitar todo o poder do ACT-Accelerator”. 

Segundo a OMS, o valor necessário para a iniciativa, US$ 35 bilhões, é equivalente ao que o mundo gasta com cigarros a cada duas semanas. 

Pesquisas para desenvolver uma vacina contra o coronavírus estão em andamento, Unsplash

Para Tedros, “este não é um desafio financeiro, é uma prova de solidariedade.” Ele disse que “em última análise, o ACT não está fornecendo apenas vacinas, diagnósticos ou tratamentos, está dando algo muito mais importante, esperança.” 

Vidas 

O filantropo e co-fundador da Microsoft Bill Gates também discursou no encontro, destacando três necessidades para atingir a eliminação global da Covid-19: capacidade de produzir bilhões de vacinas, financiamento para pagar por esse recurso e sistemas para fazer distribuição em todos os lugares. 

Segundo ele, “a imunização pode tornar a Covid-19 uma doença evitável e ninguém deve morrer de uma doença evitável porque seu país não pode pagar por uma vacina.” 

Bill Gates disse ainda que “a única maneira de acabar com a ameaça desta doença é eliminá-la em todos os lugares.” 

Ele anunciou que a Fundação Bill e Melinda Gates assinou um novo acordo com 16 empresas farmacêuticas. Nesse acordo, as firmas se comprometem a aumentar a produção de vacinas “a uma velocidade sem precedentes.” 

Lembra a entrevista da ONU News ao vice-diretor-geral da Organização Pan-Americana da Saúde, Opas, Jarbas Barbosa:

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

OMS vê aumento de interesse por mecanismo Covax para vacina contra Covid

Agência da ONU acompanha mais de 150 projetos de imunização contra a pandemia; na terça-feira, Aliança Global de Vacinas, Gavi, uma das parceiras da iniciativa, nomeou o ex-primeiro-ministro de Portugal, José Manuel Durão Barroso, para presidente da entidade.