Microempresas de mulheres e jovens entre as mais prejudicadas pela pandemia
BR

27 junho 2020

Este 27 de junho é o Dia das Micro, Pequenas e Médias Empresas, que geram metade do Produto Interno Bruto, PIB, em todo o mundo; Covid-19 causou dependência, sem precedentes, de acesso a finanças, informações e mercados.

As Nações Unidas marcam neste 27 de junho o Dia das Micro, Pequenas e Médias Empresas. A data foi instituída pela Assembleia Geral da ONU para aumentar a consciência pública sobre a contribuição deste tipo de firmas para o desenvolvimento sustentável e a economia global.

A organização realça que as pequenas empresas estão sendo mais afetadas pela crise econômica causada pelo novo coronavírus. E aquelas geridas por mulheres e jovens empreendedores estão entre as que sofrem os maiores prejuízos.

Interrupções

De acordo com a ONU, as medidas implementadas para conter a propagação do novo coronavírus causaram interrupções na cadeia de suprimentos e uma queda maciça na demanda na maioria dos setores.

Necessários mais de 600 milhões de postos de empregos para absorver a crescente força de trabalho global., by ONU Mulheres/Joe Saade

Para criar empregos decentes e melhorar os meios de subsistência, as pequenas empresas dependem agora “mais do que nunca” de um ambiente de negócios favorável, incluindo de apoio para acesso a finanças, informações e mercados.

Estima-se que seja preciso criar mais de 600 milhões de postos de empregos para absorver a crescente força de trabalho global até 2030. Por isso, o desenvolvimento de Pequenas e Médias Empresas, PMEs, é uma grande prioridade de vários governos ao redor do mundo.

De acordo com as estimativas, a maioria dos postos de trabalho no setor formal nos mercados emergentes é gerada por este grupo de empreendimentos que geralmente empregam menos de 250 pessoas. Elas chegam a criar 70% dos postos de trabalho.

Metas

De acordo com a organização, um aumento de US$ 1 trilhão em investimentos nas pequenas e médias empresas por ano geraria benefícios enormes à Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável.

Estas firmas são consideradas “a espinha dorsal da maioria das economias do mundo” e seu papel é essencial em países em desenvolvimento.

Dados do Conselho Internacional para Pequenas Empresas, Icsb, apontam que micro, pequenas e médias empresas formais e informais representam mais de 90% de todas as companhias. Elas geram metade do Produto Interno Bruto, PIB, no mundo.

Pnud RDC
Nações Unidas estão apoiando pequenos negócios na República Democrática do Congo, como costura

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud