Secretário-geral da ONU marca 75º aniversário da Carta da ONU
BR

24 junho 2020

Em mensagem vídeo, António Guterres afirma que "as Nações Unidas foram fundadas antes do surgimento de ameaças como o crime cibernético e o discurso de ódio online", mas a Carta da ONU "mostra também como enfrentar esses desafios"; leia a mensagem na íntegra. 

"Hoje, enfrentamos uma pandemia global.

Em todo o mundo, as pessoas protestam, e bem, contra o racismo.

Confrontar problemas é um começo. Mas também temos que resolvê-los.

Temos um guia atemporal para enfrentar os desafios que partilhamos e corrigir as fragilidades do mundo.

Esse guia é a Carta das Nações Unidas.

A Carta foi assinada há 75 anos – e os seus princípios continuam a ser verdadeiros hoje em dia.

A Carta foi assinada há 75 anos – e os seus princípios continuam a ser verdadeiros hoje em dia.

Fé em direitos humanos fundamentais.

Direitos iguais de homens e mulheres.

A dignidade e o valor de cada pessoa.

Direito internacional e solução pacífica de disputas.

Melhores padrões de vida em maior liberdade.

Estes valores duradouros irão levar-nos a um novo futuro.

Um futuro em que paramos de prejudicar o meio ambiente e começamos a enfrentar as mudanças climáticas.

Onde rejeitamos o fanatismo e celebramos a riqueza da diversidade humana.

Um futuro onde os jovens lideram – nas ruas, nas suas escolas, na sociedade.

As Nações Unidas foram fundadas antes do surgimento de ameaças como o crime cibernético e o discurso de ódio online.

Mas nossa Carta mostra também como enfrentar esses desafios.

Vamos realizar esta visão de paz, direitos humanos e justiça para todos.

Ao juntarmo-nos:

Com humanidade.

Com união.

Uns com os outros."

ONU/Yould
A Carta da ONU foi assinada em uma cerimônia realizada a 26 de junho de 1945.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud