Chefe da ONU promete apoiar presidente eleito da Assembleia Geral
BR

22 junho 2020

António Guterres disse que Volkan Bozkir presidirá o órgão num período importante quando a organização comemora 75 anos de existência e ajuda a controlar a pandemia de Covid-19; embaixador turco foi eleito no último dia 17 com 178 votos.

O secretário-geral da ONU participou de um encontro informal com o novo presidente da Assembleia Geral, eleito na semana passada para a 75ª. sessão do órgão, que começa em setembro. 

António Guterres agradeceu ao atual presidente, o nigeriano Tijjani Muhamad-Bande, pela forma como tem realizado os trabalhos da casa em meio à pandemia de Covid-19 e por priorizar a ciência na hora de tomar decisões sobre o funcionamento da Assembleia Geral. 

Sala da Assembleia Geral, em Nova Iorque
Sala da Assembleia Geral, em Nova Iorque. Foto: ONU/Cia Pak

Crise

Ao destacar a carreira do presidente eleito e embaixador turco, Volkan Bozkir, Guterres disse que ele terá uma grande responsabilidade de presidir o órgão durante as complicações impostas pela crise global da Covid-19. 

Para o secretário-geral, esse é um ano chave também por causa do aniversário de 75 anos da organização e da importância do valor do multilateralismo na solução de problemas.

A sessão da Assembleia Geral, que começa em meados de setembro dura um ano. Nesse período são debatidos temas como mudança climática, igualdade de gênero, Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e uma série de desafios globais. 

Os países-membros reúnem-se para deliberar e propor resoluções, analisam relatório de órgãos e agências mandatadas, eventos de alto nível e também eleições. 

Carreira diplomática

Guterres disse que a experiência de décadas de uma carreira diplomática diversa do presidente eleito será uma vantagem para o bom fluir dos trabalhos da casa.

Volkan Bozkir também defende uma recuperação global da Covid-19 focada em reconstruir melhor para corrigir as desigualdades socioeconômicas evidenciadas pela pandemia.

O futuro presidente da Assembleia Geral disse que trabalhará para construir pontes de confiança entre os países. 

António Guterres prometeu o apoio do Secretariado da ONU ao novo líder.

 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud