Greta Thunberg e ONG doam US$ 200 mil para resposta do Unicef contra covid-19
BR

1 maio 2020

Ativista doou prêmio que recebeu da ONG dinamarquesa Human Act para apoiar resposta contra pandemia em todo o mundo; doação faz parte de campanha para ajudar crianças que sofrem com as consequências da covid-19.

A ativista Greta Thunberg e a ONG dinamarquesa Human Act lançaram uma campanha para apoiar o Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, no combate contra a pandemia de covid-19.

Greta Thunberg doou o prêmio de US$ 100 mil que recebeu no final do ano passado da Human Act, que tinha sido aplicado na sua fundação. Agora, a ONG contribuiu com mais US$ 100 mil. 

Esforço 

Em nota, a ativista disse que "assim como a crise climática, a pandemia de coronavírus é uma crise dos direitos da criança." Ela afirmou que a covid-19 “afetará todas as crianças, no presente e a longo prazo, mas os grupos vulneráveis serão os mais afetados.”

Greta Thunberg pediu a todos que apoiem “o trabalho essencial do Unicef para salvar a vida das crianças, proteger a sua saúde e continuar a sua educação.”

Os recursos irão financiar programas de emergência do Unicef. Servirão para comprar sabão, máscaras, luvas, kits de higiene, equipamentos de proteção e realizar campanhas de informação. 

Trabalho

Um relatório divulgado em abril pelo secretário-geral da ONU mostra que as crianças estão entre as maiores vítimas da pandemia. Embora não sintam efeitos diretos em sua saúde, sofrem com os impactos socioeconômicos e as medidas de mitigação.

O Unicef está trabalhando em alguns dos países mais vulneráveis do mundo para informar sobre a necessidade de prevenção. Também apoia governos na aquisição de equipamentos de proteção para profissionais de saúde, incluindo luvas e máscaras, e equipamentos como ventiladores e medicamentos.

A agência apoia ainda os esforços de ensino à distância onde as escolas estão fechadas e oferece apoio psicossocial a crianças e famílias afetadas. Ao mesmo tempo, mantém campanhas de vacinação e outros serviços essenciais. 

Agradecimento

Em nota, a diretora executiva do Unicef, Henrietta Fore, disse que "a pandemia de coronavírus é a maior luta que o mundo já viu em várias gerações." 

A chefe da agência afirmou que “Greta Thunberg, através de seu ativismo, provou que os jovens estão prontos para assumir uma posição de liderança e mudar o mundo.” Fore disse ainda estar muito satisfeita que a jovem tenha escolhido o Unicef como parceiro nessa luta. 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

Chefe da ONU lamenta perda de 200 mil vidas e detalha resposta da ONU

António Guterres destacou trabalho para criar um cessar-fogo global, responder às necessidades imediatas e preparar uma recuperação mais sustentável; secretário-geral disse que organização se mobilizou para salvar vidas, combater a fome e aliviar a dor causada pela pandemia de covid-19.