Guterres faz apelo à ação global na 43ª sessão do Conselho de Direitos Humanos
BR

24 fevereiro 2020

Secretário-geral deve falar sobre situação atual de direitos humanos no mundo e propõe de proteção; ligação entre direitos humanos e prioridades da ONU também é tema da sessão anual, que começa nesta segunda-feira.

As Nações Unidas iniciam esta segunda-feira a 43ª sessão do Conselho de Direitos Humanos em Genebra.

Na abertura do evento, devem discursar o secretário-geral da ONU, o presidente da Assembleia Geral e a alta comissária de direitos humanos. António Guterres deverá abordar o estado atual dos direitos humanos e como avançar para a garantia de proteção dos direitos fundamentais em nível global.

Chefe da ONU também deverá se encontrar com líderes internacionais, funcionários de alto escalão e representantes de grupos de direitos humanos. Foto: ONU/Eskinder Debebe

Grupos

Em Genebra, o chefe da ONU também deverá se encontrar com líderes internacionais, funcionários de alto escalão e representantes de grupos de direitos humanos. Um dos destaques da sessão será o Painel de Alto Nível sobre o Deslocamento Interno.

Guterres deve ainda se reunir com jovens como parte dos debates em andamento do 75º aniversário das Nações Unidas, ONU75.

O presidente da Assembleia Geral, Tijjani Muhammad-Bande, também estará em Genebra pra uma série de reuniões.

A sessão aberta, neste 24 de fevereiro, conta com apresentação de relatórios de especialistas independentes e outros trabalhos até 20 de março, quando será concluída.

Angola e Brasil

Nas sessões paralelas e painéis de alto nível será discutida ainda a ligação entre direitos humanos e as prioridades das Nações Unidas

No Conselho de Direitos Humanos, composto por 47 Estados-membros, Angola encerra o mandato este ano, já o Brasil começa este ano. 

O órgão que busca promover e defender os direitos humanos discute questões e situações temáticas que requerem atenção ao longo do ano.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

Guterres: “É preciso romper o círculo vicioso de violência e sofrimento na Síria”

Quase 900 mil pessoas, a maioria mulheres e crianças, tiveram que fugir por causa dos últimos combates no país; secretário-geral contou a correspondentes que “esse pesadelo humanitário” tem que acabar.

Jovens dizem nas Nações Unidas o que esperam da organização aos 75 anos

Secretário-geral conversou com representantes da juventude de todo o mundo; para celebrar o aniversário, em setembro, ONU lança “maior conversa da história sobre futuro global”.