ONU reitera apoio a Moçambique no cumprimento da Agenda 2030
BR

16 janeiro 2020

Representante da organização no país, Myrta Kaulard, fez a declaração após cerimônia de posse do presidente Filipe Nyusi, na quarta-feira; o candidato da Frelimo passa a ocupar o segundo mandato à frente da nação de língua portuguesa.

As Nações Unidas reafirmaram seu compromisso de cooperação com Moçambique na implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, ODSs.

Coordenadora residente da ONU em Moçambique, Myrta Kaulard. Foto: ONU News

A afirmação é da coordenadora do Sistema ONU no país africano, Myrta Kaulard. Ela compareceu à cerimônia de posse do presidente Filipe Nyusi, neste 15 de janeiro. Ele assumiu o segundo mandato após vencer as eleições em outubro.

Paz duradoura

Em nota, a Myrta Kaulard destacou que “as Nações Unidas em Moçambique esperam trabalhar em conjunto com as instituições moçambicanas, a sociedade civil e o setor privado, num grande passo em direção à prosperidade e inclusão em todo o país.”

Já o enviado do secretário-geral de Moçambique, Mirko Manzoni, disse que “Moçambique agora tem uma chance real de uma paz definitiva e a ONU está comprometida em trabalhar com o Presidente Nyusi, com a Renamo (partido de oposição) e todas as partes e instituições em Moçambique para tornar isso uma realidade.”

Juramento

Ao prestar o juramento, o presidente Nyusi se comprometeu em promover a justiça para todas as pessoas de Moçambique.

“Juro por minha honra respeitar e fazer respeitar a constituições, desempenhando com fidelidade o cargo de presidente da república de Moçambique, dedicar todas as minhas energias a defesa, promoção e consolidação da unidade nacional, os direitos humanos, a democracia e o bem-estar do povo moçambicano e fazer justiça a todos os cidadãos.”

Cerimônia

Entre os presentes na cerimônia de posse, estiveram o chefe de Estado português, Marcelo Rebelo de Sousa, e o presidente de Cabo Verde, que atualmente detém a presidência da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, Cplp, Jorge Carlos Fonseca.

 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

ONU ajuda a recuperar seis rádios em Moçambique destruídas durante ciclone Idai

Emissoras foram essenciais para transmitir mensagens de prevenção antes do desastre natural; com a recuperação das seis estações, ouvintes voltam a receber notícias e programação nove meses depois do desastre; juntas, as seis rádios têm mais de 1,9 milhão de ouvintes na província de Sofala.

PMA recebe € 7,5 milhões para apoiar pessoas em risco de fome em Moçambique

Cerca de 1,9 milhão de pessoas podem enfrentar essa situação no primeiro trimestre do próximo ano; nova contribuição da União Europeia faz subir para € 30 milhões o valor de apoio dado à agência no país nos últimos 10 anos.*