ONU preocupada com relatos de violência na Bolívia após eleições BR

O porta-voz do secretário-geral da ONU, Stephane Dujarric.
Foto: ONU/Manuel Elias
O porta-voz do secretário-geral da ONU, Stephane Dujarric.

ONU preocupada com relatos de violência na Bolívia após eleições

Assuntos da ONU

Porta-voz do secretário-geral, Stephane Dujarric, afirmou que Nações Unidas estão acompanhando de perto notícias sobre incidentes violentos; chefe da ONU pediu a todos os bolivianos que demonstrem moderação e espírito cívico.

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, pediu à Bolívia que exerça moderação após relatos de violência em protestos surgidos após as eleições presidenciais do país.

Respondendo a perguntas de jornalistas, o porta-voz de Guterres, Stephane Dujarric, afirmou que o chefe da ONU está acompanhando a situação e notícias de incidentes violentos.

Tensão

Guterres está “preocupado” com os incidentes. Ele afirmou que nesta fase do processo eleitoral, todos os líderes políticos e seus seguidores devem contribuir para reduzir a tensão evitando atos de violência.

Para o secretário-geral é preciso seguir os meios legais existentes para resolver diferenças e disputas sobre a eleição.

António Guterres pediu aos bolivianos que mantenham o que chamou de “espírito cívico louvável” que foi por eles demonstrado pela participação nesse processo.