ONU destaca proteção de sítios religiosos e ação contra ódio em aniversário de nascimento de Gandhi

2 outubro 2019

Em mensagem para marcar Dia Internacional da Não-Violência, secretário-geral António Guterres afirmou que visão de líder indiano continua a ressoar pelo mundo; se vivo, Mahatma Gandhi completaria 150 anos de idade.

Este 2 de outubro é o Dia Internacional da Não-Violência. A data foi escolhida por ser o aniversário do líder indiano, Mahatma Gandhi, que completaria 150 anos de vida.

Em mensagem sobre o Dia, o secretário-geral da ONU, António Guterres, afirmou que o legado de Gandhi pode ser visto através do trabalho da organização sobre entendimento mútuo, igualdade, desenvolvimento sustentável, poder aos jovens e a resolução pacífica de diferenças.

O chefe da ONU esteve em Nova Deli, na Índia, na celebração dos 150 anos do nascimento do pacifista indiano Mahatma Gandhi., ONU Índia /Ishan Tankha

Brutalidade

Segundo Guterres, em tempos turbulentos, como os atuais, a violência assume várias formas: desde o impacto destrutivo da mudança climática, à falta de dignidade causada pela pobreza à injustiça, de violações de direitos humanos à brutalidade do discurso de ódio.

O chefe da ONU lembrou que tanto na internet como fora dela, a retórica do ódio é direcionada a minorias e qualquer um considerado o “outro”. Ele falou do plano de ação contra o discurso de ódio, divulgado este ano, assim como a proteção de sítios religiosos.

Na semana passada, o mundo realizou um chamado à ação para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, o que segundo Guterres pode ser visto como um caminho em direção à paz e contra a violência, em favor da prosperidade num planeta saudável.

Guterres afirma que Gandhi sempre destacou o abismo entre o que se faz e o que se é capaz de fazer. E por isso, que em homenagem ao líder indiano, ele pede que todos façam o que estiver a seu alcance para eliminar as diferenças e construir um melhor futuro.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema