Multa para barcos de resgate na Itália, educação no Timor-Leste e novo programa da ONU em Angola
BR

7 agosto 2019

Neste #DestaqueONUNews, multa de 1 milhão de euros para barcos de resgate a migrantes na Itália gera preocupação; educação é prioridade no Timor-Leste; e para encerrar, conheça um novo programa de desenvolvimento da ONU em Angola.

 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

Após 20 anos de referendo de autonomia, Timor-Leste aposta na educação

Cerca de 70% da população timorense é composta por jovens menores de 25 anos; Nações Unidas reiteram cooperação com o país em áreas que incluem educação, capacitação para desenvolvimento vocacional e combate ao desemprego; brasileiro Sérgio Vieira de Mello coordenou período de transição para autonomia.

Multa de € 1 milhão para barcos de socorro a migrantes na Itália gera preocupação

Novas punições aprovadas pelo Parlamento da Itália incluem apreensão imediada das embarcações; Acnur alerta sobre impedimentos aos esforços dos navios de resgate no Mar Mediterrâneo.