Na ONU, São Paulo expõe meta de mudar milhares de ônibus em prol da ação climática
BR

16 julho 2019

Prefeito Bruno Covas disse que governos locais estão agindo para reduzir emissões de gases de efeito estufa; representante falou à ONU News nas margens de evento que reúne mais de 100 líderes de governos locais e regionais.  

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, declarou que a megacidade brasileira tem avançado em atividades em prol da ação climática apontando áreas com transporte, água e espaços verdes.

Esta semana, o representante esteve na sede das Nações Unidas, em Nova Iorque, entre mais de 100  líderes locais e regionais. 

Líderes  

 “Eu vim aqui, em primeiro lugar, para mostrar o que a cidade de São Paulo vem fazendo. Por exemplo, a mudança na frota de ônibus hoje movida a diesel, que nós aprovamos uma lei no ano passado, para que os mais de 14 mil ônibus terão de ser transformados em até 20 anos em ônibus movidos a energia sem emissão de CO2, sem emissão de óxido de nitrogênio e sem emissão de material particulado.” 

No evento, o grupo de gestores municipais reforçou que é preciso impulsionar os compromissos em todos os níveis para acelerar a ação e atingir as metas globais em nível local.  

Esta quarta-feira, os representantes fecham as exposições sobre como os governos de cidades lideram a adaptação e a implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. São Paulo esteve entre os primeiros a  fazer a apresentação no evento.

Emissões  

“As ações que a cidade vem desenvolvendo para reduzir as emissões de gases de efeito estufa reafirmam o seu compromisso com o Acordo de Paris e vêm aqui mostrar que, no Brasil, há uma voz dissonante. Há vários governos locais que estão agindo desta forma, para que a gente possa reduzir as emissões de gases de efeito estufa e reduzir a ampliação da temperatura na terra.” 

Apresentação sobre ações em São Paulo foi uma das primeiras realizadas no evento na ONU., by Defensoria Pública da União

O Fórum Político de Alto Nível de 2019 é organizado pelo Conselho Econômico e Social, Ecosoc. A meta é  avaliar os progressos da Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável. 

Igualdade  

Sob o tema Capacitar as pessoas e garantir inclusão e igualdade, o evento foca em seis Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. O ODS número 4 destaca a educação, enquanto o 8 aborda a ação em prol de empregos decentes e  do crescimento econômico. O ODS 10 define metas sobre o combate às desigualdades. 

O evento também analisa o ODSs 13, que aborda a ação climática, o 16 sobre a promoção da justiça, das instituições e da paz, e o número 17 que promove parcerias e meios para implementar e alcançar essas metas. 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud