Bombeiros brasileiros ajudam vítimas do ciclone Kenneth em Moçambique
BR

1 maio 2019

O coronel Vandernilson Peres, da Força Nacional brasileira, explicou algumas das atividades para a ONU News. Primeira missão de bombeiros militares de Brumadinho, Minas Gerais, foi ajudar vítimas do ciclone Idai; mais de 500 pessoas isoladas foram salvas em um dia; última tempestade a atingir o país já causou mais de 40 mortes. 

 

Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News 

Baixe o aplicativo/aplicação para  iOS ou Android

Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

Bombeiros brasileiros relatam salvamento de vítimas do ciclone Kenneth em Moçambique

Primeira missão de bombeiros militares de Brumadinho, Minas Gerais, foi ajudar vítimas do ciclone Idai; mais de 500 pessoas isoladas foram salvas em um dia; última tempestade a atingir o país já causou mais de 40 mortes.

ESPECIAL - De Brumadinho para Moçambique: “Aqui a extensão do desastre é muito maior”

Militares da Força Nacional do Estado de Minas Gerais, no Brasil, falam das operações em área afetada pelo ciclone Idai; bombeiros também atuam em ações em Búzi, perto da cidade que teve 90% de sua área assolada pelo desastre natural.  acompanhe aqui a cobertura especial da ONU News.