Cabo Verde: ONU e parceiros assinam plano de ação para desenvolvimento sustentável

O plano prevê também o apoio aos parceiros nacionais nas áreas da governação, da paz, do desenvolvimento de instituições fortes e inclusivas.
ONU Mulheres Cabo Verde
O plano prevê também o apoio aos parceiros nacionais nas áreas da governação, da paz, do desenvolvimento de instituições fortes e inclusivas.

Cabo Verde: ONU e parceiros assinam plano de ação para desenvolvimento sustentável

ODS

Mais de 100 parceiros vão trabalhar em conjunto; cerca de US$ 20 milhões de foram disponibilizados para financiar projetos que promovam Agenda 2030; iniciativa envolve 15 agências do sistema da ONU.

O Escritório das Nações Unidas em Cabo Verde assinou um acordo com o governo do país e com os seus parceiros de desenvolvimento nacional e local para a implementação de um plano de trabalho conjunto para o desenvolvimento sustentável.

O plano envolve mais de 100 entidades parceiras e assenta nos cinco grandes pilares da Agenda 2030, conhecidos como os 5 P’s: Paz, Prosperidade, Planeta, Parcerias e Pessoas, tal como explicou à ONU News a coordenadora residente da ONU em Cabo Verde, Ana Graça.

Plano

Concurso distingue universidades e faculdades de todo o mundo em busca de soluções para alcançar os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável
A Agenda 2030, de desenvolvimento sustentável, reúne 17 Objetivos e 169 Metas.
ONU Brasil

“É um plano que está assente no quadro do Undaf, e para o ano de 2019 e que se traduz num plano de 20 milhões de dólares, já orçamentado com uma disponível verba de 15 milhões, para intervenções estratégicas, ao nível do desenvolvimento do capital humano, portanto, saúde, educação, proteção social na área de ‘prosperidade, em particular o emprego jovem, a competitividade e a implementação, o apoio à implementação do Plano Nacional de Cuidados. Ao nível de tudo que tem que ver com a gestão dos recursos naturais e da biodiversidade, portanto aquilo que chamamos o eixo planeta.”

O plano prevê também o apoio aos parceiros nacionais nas áreas da governação, da paz, do desenvolvimento de instituições fortes e inclusivas.

Ana Graça explicou que o grande objetivo é assegurar um país mais sustentável e inclusivo, sendo fundamental envolver os principais agentes do país.

Colaboração

“Temos uma ação muito centralizada em termos de apoiar o governo e os parceiros na implementação do Plano Estratégico de Desenvolvimento Sustentável e em particular na localização da Agenda 2030 dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Este é um exercício que envolve as 15 agências presentes em Cabo Verde, com a cerca de sua centena de parceiros. É um momento de prestação de contas, tivemos já oportunidade de apresentar os resultados do Plano de Trabalho conjunto de 2018 e de planeamento conjunto entre o sistema o Governo de Cabo Verde.”

A cooperação já foi formalizada no papel. A cerimónia de assinatura deste acordo teve lugar esta terça-feira e foi presidida pelo ministro dos Negócios Estrangeiros e Comunidades de Cabo Verde, Luís Filipe Tavares.