Guterres aplaude compromisso do G20 em combater mudanças climáticas

2 dezembro 2018

Guterres destaca apoio à Agenda 2030; G20 prometeu utilizar ferramentas políticas para promover crescimento; países concordamna importância da Organização Mundial do Comércio.

O grupo dos 20 países mais desenvolvidos do mundo, G20 esteve reunido em Buenos Aires, na Argentina. 
O secretário-geral da ONU, António Guterres, fez um balanço do encontro onde foi reafirmado “o apoio à Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável” e ao “plano global para uma globalização justa que não deixa ninguém para trás.”

Promessa

Guterres destacou o facto do G20 ter prometido que utilizaria todas as ferramentas políticas “para alcançar um crescimento forte, sustentável, equilibrado e inclusivo.”

Em nota final sobre o encontro, o líder da ONU explica que os líderes do G20 enfatizaram “a necessidade de aumentar a ambição na luta contra a mudança climática” e expressaram seu forte apoio aos países signatários para implementar os seus compromissos. 

Regras

Guterres lembra que o acordo sobre o Programa de Trabalho de Paris que será discutido esta semana na COP 24, em Katowice, vai definir as regras para a implementação de medidas concretas para a redução de emissões.

O secretário-geral explica também que líderes do G20 reconheceram a importância de uma abordagem multilateral ao comércio e da reforma da Organização Mundial do Comércio, renovando o seu compromisso com uma ordem internacional baseada em regras.
 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

Começou a COP24, a conferência da ONU sobre mudança climática

Conferência foca-se na neutralidade de carbono e na igualdade de género; 28 mil pessoas participarão; foram usados  materiais reutilizáveis para montar as salas do evento.

COP24: o que está em jogo e o que você precisa saber

Na medida em que a temperatura global continua aumentando, a ação climática é lenta e a janela de oportunidade para se agir está fechando, segundo as Nações Unidas.